Rússia responde por mais de 60% das exportações de carne bovina de MS

Agronegócio

Rússia responde por mais de 60% das exportações de carne bovina de MS

Rússia importou quase 9 mil toneladas de carne bovina
Por:
1098 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
As exportações de carne bovina in natura de Mato Grosso do Sul totalizaram 14,9 mil toneladas no mês de julho, volume 19% superior às vendas registradas em julho do ano passado, quando o Estado destinou ao exterior 12,5 mil toneladas do produto. Do total negociado este ano, 60,4% foi vendido para a Rússia, país que sinalizou a ampliação de mercado para a carne brasileira, recentemente. Os dados constam no último Informativo Casa Rural, elaborado pelo Departamento de Economia do Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS.
 
Segundo o Informativo Casa Rural, a Rússia importou quase 9 mil toneladas de carne bovina sul-mato-grossense no período analisado. Para o diretor secretário do Sistema Famasul, Ruy Fachini, as vendas para o mercado russo demonstram o fortalecimento da pecuária local. "A Rússia sempre foi um importante mercado da carne bovina de Mato Grosso do Sul, mas os últimos resultados são ainda mais animadores, considerando que representam o dobro do que foi vendido no mesmo período do ano passado", enfatiza Fachini, lembrando que as compras da Rússia foram de 4,1 mil toneladas em julho de 2013.
 
Para a gestora do Departamento de Economia do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, o atual panorama da pecuária de corte é de desequilíbrio entre a oferta e demanda, o que deve fazer com que os preços da arroba do boi gordo subam nos  próximos meses. "Entre junho e julho, os abates de bovinos no Estado caíram quase 7%, a segunda maior queda no ano. A redução foi ocasionada pela menor quantidade de animais de pasto e de confinamento em algumas regiões do Estado", destacou.
 
O  relatório da Famasul mostra também que em julho o preço do boi gordo teve média de R$ 116,76/@, com leve queda de 0,67% frente junho. Veja o relatório na íntegra: http://famasul.com.br/public/area-produtor/4691-informativo-pecuaria-agosto-2014.pdf
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink