Santos lidera ranking da exportação de café

Agronegócio

Santos lidera ranking da exportação de café

Entre janeiro e junho, foram exportados pelo complexo 10,94 milhões de sacas
Por:
251 acessos

Se o café brasileiro continua sendo bastante apreciado em todo o mundo, Santos, por sua vez, segue na liderança entre os portos que embarcam o produto rumo ao mercado externo. Dados divulgados nesta semana pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) mostram que de cada quatro sacas de café enviadas ao exterior, quase três passaram por Santos.

Entre janeiro e junho, foram exportados pelo complexo 10,94 milhões de sacas, o que representa 73,8% do total registrado pelo País no primeiro semestre. No mesmo período do ano passado, o complexo movimentou 7,76 milhões de sacas, o que à época representou 69,3% dos embarques. Mais do que o aumento na participação do total exportado, Santos embarcou 3,18 milhões de sacas a mais – um incremento de 40,9% em números absolutos.

As boas condições de tráfego nas estradas paulistas e nos acessos ao cais, a alta frequência de navios e a fama secular da Cidade no manejo com os grãos contribuem com estes índices, como explica o diretor-geral do Cecafé, Guilherme Braga Abreu Pires Filho, que esteve nesta semana no Museu do Café, no Centro Histórico.

“Santos está bem localizada em relação à produção. Talvez não tanto quanto o Rio de Janeiro, pois mais da metade do café produzido no Brasil vem de Minas Gerais. Mas uma dos fatores que determinam isso é o próprio Porto”, declarou.

Para Braga, até a quantidade de contêineres disponíveis em Santos para acondicionamento do produto a ser exportado é um diferencial. “Às vezes, no Rio, há problema de falta (de contêineres), algo que não ocorre aqui”.

Recorde

As exportações brasileiras de café neste ano-safra constituem um novo recorde histórico. De acordo com o levantamento do Cecafé, entre julho de 2008 e junho passado o País embarcou 31,38 milhões de sacas do produto. Os grãos representam a maior parcela, com 28,41 milhões de sacas (90,53%), enquanto que 2,96 milhões de sacas do tipo solúvel (9,47%) foram enviadas ao exterior.

O melhor desempenho anterior havia sido registrado na safra 2002/2003, quando embarcaram 29,48 milhões de sacas de café ao exterior.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink