Secretário da Agricultura de Minas Gerais promete ICMS menor para agricultor


Agronegócio

Secretário da Agricultura de Minas Gerais promete ICMS menor para agricultor

Por:
1 acessos

O secretário da Agricultura de Minas Gerais, Odelmo Leão, prepara um pacote de incentivos fiscais para setores estratégicos do agronegócio do Estado. Ele admitiu em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, que terá dificuldade para convencer técnicos da Secretaria da Fazenda a reduzir alíquotas de impostos. Para ele, a medida aumentaria a produção, o que compensaria a arrecadação, além de gerar empregos.

"A Secretaria da Fazenda sempre tem posição de não cortar impostos. Vamos, contudo, demonstrar que temos razão", argumenta. O secretário informou que apresentará projeto de redução de impostos ao secretário da Fazenda nos próximos dias. Outro item citado pelo secretário foi a desoneração de energia elétrica para produtores rurais, para possibilitar a irrigação de lavouras. A Cemig também será consultada, já que o projeto da Secretaria de Agricultura prevê de redução a isenção de ICMS, dependendo do caso.

Um dos argumentos dos planos do secretário mineiro será a perda da produção de soja, leite e carne para estados como Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Leão promete criar o Conselho Estadual de Política Agrícola (Cepa), que reunirá membros das 12 universidades federais do Estado, das áreas de economia, administração, veterinária, agronomia e zootecnia, além de entidades representativas do setor agropecuário e da agroindústria. A tributação será um dos temas prioritários. No Cepa, vamos unir toda a cadeia produtiva para aumentar a exportação de produtos com maior valor agregado, a exemplo do leite e do café , diz.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink