Sêmen heterospérmico intensifica ganho genético
CI
Imagem: Divulgação
REBANHOS

Sêmen heterospérmico intensifica ganho genético

Lançamento oferece grupos para acabamento de carcaça, facilidade de parto e ganho de peso
Por:

A ABS apresenta ao mercado os novos grupos HT2172, HT2173 e HT2143. O primeiro grupo conta com genética de três touros que têm ótimo acabamento de carcaça. O segundo grupo reúne genética de três animais com facilidade de parto, enquanto no terceiro grupo os três touros se destacam pelo alto ganho de peso.

Os touros dos grupos HT2172 e HT2143 apresentam um índice ABS XBlack médio de $55. Já os três touros do grupo HT2173 apresentam um índice ABS XBlack médio de $35.

O gerente de Produto e Projetos Corte Europeu da ABS, Marcelo Selistre, destaca que o Fertility Plus é um produto em constante evolução, desde o seu lançamento, em 2009, com importantes novidades previstas ainda para este ano.

"Hoje, o Fertility Plus é o produto campeão de vendas no que diz respeito ao Corte Europeu, mas, mais do que isso, é uma solução que ganha cada vez mais força pela filosofia de trabalho e o seu propósito, que é um perfil genético com fertilidade agregada em evidência", conta Selistre.

A ABS oferece pacotes de genética Fertility Plus nacional e importada. Os produtos são selecionados de acordo com o perfil genético dos touros, buscando uma característica principal em comum nos touros que compõem o Fertility Plus.  O produto importado inclui sêmen de touros de alto desempenho em provas americanas, além daqueles de destaque para o índice ABS XBlack – especialmente desenvolvido pela ABS para apontar os melhores indivíduos para cruzamento industrial.

Além disso, no início de 2021, a ABS lançará pacotes de Fertility Plus NuEra Genetics, selecionados a partir do índice XBlack. Com mais de 10 anos de mercado, o Fertility Plus é uma dose de sêmen heterospérmico, ou seja, que contêm o ejaculado de três touros diferentes. 

O produto é desenhado para oferecer mais segurança nos resultados de concepção na inseminação artificial em tempo fixo (IATF), especialmente, em situações que representam desafios para o produtor, como vacas primíparas, com baixo escore corporal, em balanço energético negativo e/ou lotes grandes, com mais de 200 vacas inseminadas por dia.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink