Sementes de aveia preta da Embrapa estão disponíveis para cultivo de inverno


Agronegócio

Sementes de aveia preta da Embrapa estão disponíveis para cultivo de inverno

A cultivar Embrapa 29 (Garoa) tem ciclo precoce de 110 a 130 dias
Por:
1694 acessos
Com o fim da safra de verão, é hora de plantar uma cultura de inverno, que melhora as condições do solo, mantendo-o coberto com adubação verde, e que pode ser utilizada para alimentação dos animais ou como mais uma opção de renda para o agricultor. A aveia preta é uma cultura, usada em rotação, responsável por melhorar as condições físicas, químicas e sanitárias dos solos. A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, disponibiliza aos produtores rurais sementes da cultivar de aveia preta Embrapa 29 (Garoa), desenvolvida pela Embrapa Soja, Londrina, PR.


A cultivar Embrapa 29 (Garoa) tem ciclo precoce de 110 a 130 dias, hábito vegetativo ereto, moderada resistência ao acamamento, à geada e às ferrugens do colmo e das folhas. Pode ser semeada “a lanço” ou no espaçamento de entrelinhas de 17 a 20 cm, com um gasto médio de sementes de 70 kg/ha, variando conforme região de cultivo e finalidade de uso. A produção de massa seca por hectare varia de três a oito toneladas e a produção de sementes de 500 a 2000 kg/ha.

A aveia preta (Avena strigosa Schreb.) é uma planta da família das gramíneas ou poáceas, muito rústica, com excelente capacidade de perfilhamento e produção de massa verde. Em geral, produz mais forragem que as aveias branca e amarela, por isso também é chamada de aveia forrageira.


A planta é utilizada para cobertura, adubação verde, produção de forragem em pastejo direto, feno, silagem e grãos para a alimentação de bovinos de corte e leite. A produção de feno aumenta ainda as possibilidades de utilização da aveia, permitindo o seu transporte, armazenamento e comercialização. É uma opção de alimentação do rebanho nos períodos mais críticos do ano

A aveia preta apresenta resistência à seca e tem desenvolvimento rápido, impedindo a infestação de plantas invasoras indesejáveis. Desenvolve-se em baixas temperaturas, apresenta tolerância ao alumínio, baixa incidência de pragas e doenças, facilidade de produção de sementes e baixo custo de produção.


Para o gerente do Escritório de Negócios de Dourados da Embrapa Transferência de Tecnologia, Huberto Noroeste dos Santos Paschoalick, a aveia preta tem a vantagem de gerar uma boa produção de forragem e grãos, mesmo sob baixas temperaturas e estresse hídrico e ainda melhorar, significativamente, os atributos químicos e físicos do solo com influência positiva no rendimento das culturas subseqüentes de verão.

INFORMAÇÕES SOBRE AQUISIÇÃO DE SEMENTES DA CULTIVAR EMBRAPA 29 (GAROA)
Escritório de Negócios da Embrapa Transferência de Tecnologia em Dourados
Rodovia Dourados - Caarapó, Km 6 – Caixa Postal 661
CEP: 79804-970 – Dourados, MS
Telefone: (67) 3425-5165; Fax: (67) 3425-0811
E-mail: endou.snt@embrapa.br

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink