Seminis promove Fórum Internacional de Melão

Agronegócio

Seminis promove Fórum Internacional de Melão

Marca da Divisão de Hortaliças da Monsanto realiza encontro em Barcelona, na Espanha, com toda a cadeia produtiva
Por: -Janice
779 acessos
Marca da Divisão de Hortaliças da Monsanto realiza encontro em Barcelona, na Espanha, com toda a cadeia produtiva

Com o objetivo de integrar todos os elos da cadeia agrícola, a Seminis, marca global da Divisão de Hortaliças da Monsanto, promoveu até ontem o Fórum Internacional de Melão, em Barcelona. Durante o evento, serão discutidas tendências de mercado e consumo com a presença de produtores, importadores e supermercadistas de todo o mundo, além de workshops, conferências e degustação de produtos.

Produtores brasileiros de melão das regiões de Mossoró (RN) e Petrolina (PE) foram convidados -cerca de 70% da safra nacional é direcionada ao exterior. “A Seminis convidou alguns de seus clientes para este evento para que tenham a oportunidade de conversar com importadores e abrir novos mercados, como o Leste Europeu”, afirma Fernando Guimarães, gerente de Negócios de Hortaliças do Brasil. “Vamos apresentar as principais variedades de melão produzidas no país.”

A Monsanto desenvolve variedades adaptadas às condições brasileiras, para que seja possível aumentar a produtividade e a qualidade de melão e melancia, ao mesmo tempo em que ajuda a reduzir o impacto ambiental por meio de variedades com melhor resistência a doenças. A Seminis busca desenvolver frutos mais saborosos e aromáticos, e com boa preservação pós-colheita, que permitam que os produtos cheguem em boas condições aos mercados importadores.

De setembro a fevereiro, o Brasil é o maior fornecedor de melão para o mercado europeu, principalmente para Inglaterra e Holanda. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Frutas (Ibraf), o país tem cerca de 13 mil hectares plantados com melão. E os principais exportadores preferem os híbridos da Seminis – galia, cantaloupe harper, cantaloupe italiano e amarelo.

Confira as características dos principais híbridos da Seminis:

Amarelo

o DRY 9150: planta vigorosa com frutos arredondados. Peso médio de 800 gramas a 1,5 quilo.
o Gold Mine: planta vigorosa com frutos ligeiramente ovalados. Polpa creme-esverdeada, crocante e sabor adocicado. Peso médio de 1,5 quilo a 2 quilos.

Galia

o Denny: fruto redondo com polpa levemente esverdeada. Peso médio de 800 gramas a 1,2 quilo.
o McLaren: híbrido de alta produtividade. Seus frutos são levemente ovalados. Tolerante à mosca mineradora e a fungos de solo. Peso médio de 1,2 quilo a 1,5 quilo.

Cantaloupe Harper

o Florentino: planta vigorosa e produtiva. Peso médio de 1,1 quilo a 1,9 quilo.

Cantaloupe Italiano

o Florida: indicado para consumo in natura. Fruto doce com alto teor de açúcar. É tolerante à exposição ao sol e à mosca mineradora. Peso médio de 1 quilo a 1,2 quilo.
o Banzai: indicado para processamento. Fruto com elevado teor de açúcar. É tolerante à exposição ao sol e à mosca mineradora. Peso médio de 800 gramas a 1 quilo.

Melancia sem sementes

o PX 1714: fruto arredondado, pequeno e de polpa crocante. Peso médio de 2,5 quilos a 3,5 quilos.

As informações são da assessoria de imprensa da Monsanto.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink