Senado francês proíbe milho transgênico
CI
Agronegócio

Senado francês proíbe milho transgênico

Com aval do ministro da Agricultura
Por: -Leonardo Gottems

Os senadores franceses aprovaram nesta segunda-feira (05.05) lei apresentada pelo Partido Socialista proibindo a produção de milho transgênico. O projeto já havia passado pela Assembleia Nacional, com o aval do ministro da Agricultura daquele país, Stéphane Le Foll, segundo o qual a lei é necessária para preencher o “vazio jurídico que existe hoje na França'.


A oposição do partido UMP (do ex-presidente Nicolas Sarkozy) tentou ainda apresentar os aspectos anticonstitucionais da lei, contrária ao Direito Europeu. No entanto, a iniciativa recebeu 172 votos a favor e 147 contra – e já bloqueia o plantio da próxima safra. 


Por outro lado, os deputados rejeitaram uma emenda proibindo o cultivo de “todas as plantas geneticamente modificadas”. A prefeitura de Paris já havia proibido a utilização do milho transgênico no último dia 14 de março, à espera da adoção definitiva da proposta de lei.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink