Senior participa da Show Rural 2020
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,644 (-0,33%)
| Dólar (compra) R$ 5,53 (-0,43%)

Imagem: Divulgação

GESTÃO

Senior participa da Show Rural 2020

É a era da geração e gestão dos dados e indicadores no agronegócio brasileiro
Por:
228 acessos

A tecnologia está transformando todas as áreas da economia e da sociedade. O agronegócio é uma das atividades econômicas mais importantes do País e também tem passado por grandes mudanças com a transformação digital. Para falar sobre as tendências tecnológicas no agronegócio, a Senior participa da feira Show Rural, que acontece de hoje (3) a 7 de fevereiro em Cascavel, no Paraná. Na ocasião, a Diretora de Agronegócios na Senior, Cintia Leitão, fará uma palestra sobre “A disrupção e o Agronegócio 4.0”, na terça-feira (04), às 15h, na Villa Startup Biopark. O Show Rural é um espaço de inovação e considerado um dos maiores eventos do agronegócio brasileiro.

Hoje, muitas usinas e fazendas já estão conectadas por meio de redes instaladas no campo. Operações são mecanizadas e tudo pode ser monitorado em tempo real. É a era da geração e gestão dos dados e indicadores. “A presença da tecnologia e da inteligência artificial em específico no agronegócio originam um novo conceito de agricultura, a agricultura de precisão. Das análises de solo para a plantação até a colheita da safra, com tomadas de decisão rápidas frente a problemas, a Inteligência Artificial está presente em uma série de aplicações”, destaca a Diretora de Agronegócios na Senior, Cintia Leitão.

O mundo caminha em direção à sustentabilidade e a otimização dos processos. Tudo gira ao redor de tecnologias e inovações que permitem a entrega de resultados mais expressivos, eficientes e, sobretudo no caso do agronegócio, mais sustentáveis e com escalabilidade. “As mudanças e tecnologias exponenciais acontecerão de qualquer forma. Estamos vivendo um novo momento: a transformação da agricultura digital. Cada vez mais a tecnologia avança, se desenvolve e, por conta disso, o nível de automação do agronegócio hoje já é bem expressivo”, complementa Cíntia.

Tecnologias em destaque

Além da tradicional previsão do tempo, muitos agricultores já têm acesso à pré medições de temperatura, precipitação, direção e velocidade dos ventos e demais fenômenos climáticos que podem influenciar positivamente ou negativamente nas plantações. Tudo isso pode ser acompanhado praticamente em tempo real, o que torna a análise de dados muito mais rica e assertiva para o agro.

Já existem protótipos de tratores autônomos e com a inteligência artificial. Esses veículos poderão ser capazes de decidir parar o que estiverem fazendo caso comece a chover e mudar de rota, indo para uma área seca. Todo esse processo poderá ser acompanhado remotamente pelo produtor rural ou um funcionário por meio de um smartphone. Os veículos autônomos fazem parte de uma tendência que deve se fortalecer e trazer cada vez mais novidades para o segmento. Além desse exemplo, já se fala na capacidade de um veículo terrestre não-tripulado mensurar com precisão a quantidade de defensivo em uma lavoura, sem nenhuma interferência humana direta.

Também precisamos citar as colheitadeiras inteligentes que podem ser programadas de acordo com a necessidade de colheita de cada tipo de matéria prima e também a possibilidade do mapeamento completo de propriedades rurais, que contribui na identificação de, por exemplo, regiões de desmatamento, uso excessivo de agrotóxicos e de pragas. “Com o aperfeiçoamento do segmento, a perspectiva é que ocorram investimentos elevados no agronegócio, sobretudo em inovação e tecnologia. Isso irá demandar também o treinamento e preparação das equipes de trabalho e profissionais deste mercado”, explica Cintia Leitão.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink