Sindicalc adota novas indicações

Agronegócio

Sindicalc adota novas indicações

Manual de Adubação e Calagem moderniza a aplicação de fertilizantes
Por:
9 acessos

As novas recomendações constantes no Manual de Adubação e Calagem para os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, lançado em novembro pelo Núcleo Regional Sul da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, estão sendo adotadas como padrão pelo Sindicato das Indústrias de Calcário do RS (Sindicalc). Conforme o conselheiro técnico do Sindicalc, doutorando em Ciências do Solo na Ufrgs, Cláudio Henrique Kray, o último manual publicado tinha nove anos. "Foram modificadas questões como amostragens do solo e recomendações para aplicação de calcário e fertilizantes."

No sistema de plantio direto, explica Kray, a amostragem tem que seguir uma linha de semeadura padrão, e não aleatoriamente, como em outros modelos. Em termos de recomendação de calcário, passa a ser levado em consideração, além do pH 6 do solo, fatores como o ponto de saturação de bases por alumínio ou magnésio. "Recomenda-se agora pH 5,5 de calcário sobre o arroz e, se for feita rotação com pastagem ou milho e soja, permanece pH 6." Também são abordados solos mais arenosos e suas carências naturais de nutrientes, como na Depressão Central e no Litoral, por exemplo.

Foram inseridas novas culturas não constantes do manual anterior e foi considerado o aumento da produtividade decorrente do plantio direto. "Tem recomendações de adubação e calagem para plantas medicinais e houve ampliação no grupo de olerícolas e de florestas." Segundo Kray, desde que começou o trabalho de divulgação das pesquisas que originaram o manual, há três anos, o Sindicalc desenvolveu mais de 200 palestras técnicas em 15 municípios. O novo manual foi também tema do 5º Curso de Atualização em Recomendação de Adubação e Calagem promovido na última sexta-feira pelo Departamento de Solos e Programa de Pós-graduação em Ciência do Solo da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink