SOJA: condições climáticas no PR estão mais favoráveis

SOJA

SOJA: condições climáticas no PR estão mais favoráveis

Produtividade média para o Paraná deverá variar de 3,15 a 3,27 kg ha
Por:
2077 acessos

As projeções geradas pelo Sistema TempoCampo, da Esalq/USP, para a safra 2019/20 de soja no Paraná apontam que as condições meteorológicas nesta temporada estão mais favoráveis na comparação com o cenário do ciclo anterior.

O Coeficiente de Produtividade Climática (CPC-TempoCampo) indica ganhos médios variando de 7 a 8%, segundo o cenário pessimista e otimista, respectivamente. Destaca-se o norte e nordeste do estado, onde os ganhos podem superar 8%. Em contrapartida, na região de Clevelândia as condições são menos favoráveis, sendo esperadas perdas de até 7%, considerando o cenário intermediário

A produtividade média para o Paraná deverá variar de 3,15 a 3,27 kg ha, considerando os cenários pessimista e otimista, respectivamente. Os maiores rendimentos devem ocorrer nas regiões norte e nordeste, podendo superar 3,6 kg ha. Já as menores produtividades são esperadas no sul do estado, variando de 2,8 a 3,2 kg ha, considerando o cenário intermediário.

O baixo volume de chuvas de setembro, além de atrasar a semeadura da soja no estado provocaram danos a diversas áreas devido ao déficit hídrico. O maior volume e regularidade das chuvas no mês de outubro favoreceram o desenvolvimento das lavouras já semeadas e acelerou as atividades de implantação da cultura, trazendo maior alívio aos produtores paranaenses.

O Sistema TempoCampo prevê que a safra 2019/20 de soja no Paraná tem potencial para ficar entre 17,32 a 17,95 milhões de toneladas, segundo os cenários pessimistas e otimista, respectivamente.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink