Soja: Preço cai no Brasil

MERCADO

Soja: Preço cai no Brasil

"A soja ainda é lucrativa, altamente lucrativa”
Por: -Leonardo Gottems
1435 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

A recente queda de 1,60% na Bolsa de Chicago fez com que o valor do dólar subisse 0,55%, o que acabou fazendo com que os preços da soja caíssem no Brasil. De acordo com o especialista Luiz Fernando Pacheco, da T&F Consultoria Agroeconômica, a queda não foi muito considerável. 

“E os prêmios registraram queda de 18 cents/bushel para os embarques de fevereiro e permaneceram inalterados para março, abril e maio. Com isto, os preços de exportação sobre rodas nos portos caíram 0,45% para R$ 84,90, aumentando a queda de novembro para 0,98%. No interior a baixa foi menor, de 0,53%, para R$ 79,01/saca, aumentando a queda de novembro para 0,23%”, informa. 

Além disso, Pacheco indicou também que o mercado físico do interior continua basicamente parado, com pouquíssimo movimento. No Centro-Oeste o plantio também está travado devido ao excesso de chuvas, mas ainda continua dentro da janela e dentro da normalidade. “Chamamos atenção para o quadro de lucro existente: a soja ainda é lucrativa, altamente lucrativa”, afirma. 

As exportações de soja do Brasil deverão superar em 2018 a marca de 80 milhões de toneladas, ante 68 milhões de toneladas no ano passado, com os embarques do país se mantendo fortes em função da demanda da China. “Em disputa comercial com os Estados Unidos, a China voltou-se para o Brasil, maior exportador global de soja, após taxar o produto norte-americano em meados do ano”, comenta. 

Nesse cenário, dados divulgados pelo governo brasileiro indicaram que, no acumulado do ano até a segunda semana de novembro, o volume exportado atingiu 76,4 milhões de toneladas

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink