Soja brasileira em alta com demanda chinesa

MERCADO BRASIL

Soja brasileira em alta com demanda chinesa

As compras da oleaginosa pelo gigante asiático totalizaram 20 cargos no mês
Por: -Leonardo Gottems
369 acessos

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da USP), os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a quinta-feira (06.02) com preços médios da soja nos portos do Brasil sobre rodas para exportação subindo 0,15%, para R$ 85,70/saca (contra 85,57/saca do dia anterior). 

“Novas compras chinesas de soja brasileira de Origem, somadas à grande alta de 1,14% do dólar e a pequena alta de 0,05% nas cotações da Bolsa de Chicago, permitiram que os preços médios da soja, oferecidos pelas tradings voltassem a subir nos portos do sul do país ou seus equivalentes nas demais regiões”, apontam os analistas da T&F Consultoria Agroeconômica.

No interior, a alta foi de apenas 0,02% para a média de R$ 80,07/saca, contra R$ 80,05/saca do dia anterior. Com isto, no acumulado do mês houve avanços de 0,43% no porto e queda de 0,36% no interior. No Rio Grande do Sul os preços subiram um real/saca no porto para R$ 87,00 em Rio Grande, mas permaneceram inalterados em Cruz Alta a R$ 83,00 (pagos pelas Tradings, não pelas indústrias) e R$ 82,00 em Ijuí e Passo Fundo.

No Paraná os preços de balcão, pagos ao agricultor, subiram 2 reais/saca para R$ 80,00 na região de Ponta Grossa. No mercado de lotes, disponível, subiu mais um real/saca para R$ 83,00/saca, pagamento final de fevereiro, mesmo preço para abril. O preço pago no porto também permaneceu inalterado em R$ 85,00, pagamento no final de fevereiro. Na região Oeste do estado subiu para R$ 79,00 e no Norte do estado ao redor de R$ 80,00, com retirada em fevereiro.

Na Bahia os preços caíram de R$ 76,00/saca na última sexta, para R$ 73,00 na segunda-feira e subiram para R$ 74,00 na terça-feira e para R$ 75,00 na quarta-feira e voltaram para R$ 76,00 nesta quinta-feira.

CHINA

As compras de soja brasileira pela China totalizaram 20 cargos (1.2 milhão de toneladas) nesta quinta-feira, elevando as compras no Brasil para 2,46 MT, a maioria para entrega a partir de abril de 2020. Com isto, os prêmios da soja nos portos brasileiros de Origem, perderam um pouco do interesse para embarques imediatos e mantiveram para maio em diante, com os prêmios permanecendo inalterados. Para 2021, porém, os prêmios para 2021 também permaneceram inalterados e os vendedores brasileiros permaneceram ausentes. 

O mercado de Paper de Paranaguá teve negócios reportados para Março a +60H (cinco acima do dia anterior) e Abril/Maio a +48K (três acima). No mercado CIF porto chinês de Dallian, os prêmios da soja brasileira subiram em média 3 cents/bushel.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink