Soja em baixa com demanda menor nos EUA

ANÁLISE AGROLINK

Soja em baixa com demanda menor nos EUA

Alta do Dólar no mercado internacional torna as commodities produzidas nos Estados Unidos menos atraentes
Por: -Leonardo Gottems
83 acessos

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na quarta-feira (24.10) perdas de 7,25 pontos no contrato de Novembro/18, fechando em US$ 8,5025 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 7,00 e 7,50 pontos.

O mercado norte-americano da soja teve uma sessão de perdas nos principais contratos futuros, com a alta do dólar prejudicando as exportações norte-americanas. “O fortalecimento do Dólar no mercado internacional torna as commodities produzidas nos Estados Unidos menos atraentes para compradores estrangeiros. Nas últimas semanas, a demanda pelo grão norte-americano vem se enfraquecendo mais acentuadamente”, aponta a T&F Consultoria Agroeconômica.

A Consultoria AgResource destaca que a especulação tem passado por dias de ‘banho-maria’, com a falta de notícias que poderiam alimentar uma tendência temporária de curto prazo: “No atual momento, o foco do Mercado tem sido os resultados de produtividade dos campos estadunidenses e o progresso de plantio no Brasil. A soja norte-americana tem apresentado problemas pontuais de excessos hídricos na colheita resultando em perda de peso e qualidade do grão”. 

“Na América do Sul, o cenário para este início de temporada produtiva é positivo, o que contrabalanceia a especulação. A equipe de campo da ARC Mercosul e estima que 47,5% da safra de soja brasileira já foi semeada até a atual semana. O ritmo é bem acima dos 32% no mesmo período em 2017; 40,3% em 2016; e 36% de média dos últimos 5 anos”, concluem os analistas. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink