Soja será grande destaque da safra, projeta Goiás
CI
Imagem: Marcel Oliveira
POTENCIAL

Soja será grande destaque da safra, projeta Goiás

Outras culturas como arroz irrigado e feijão também devem crescer
Por: -Leonardo Gottems

A produção de grãos de Goiás deve atingir 27,3 milhões de toneladas na safra 2020/2021, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (13.01) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A aposta do governo estadual é na soja, com aumento na produção estimado em 2,1%, passando de 13,2 milhões de toneladas na safra 2019/2020 para 13,4 milhões de toneladas na safra 2020/2021.

“O Governo de Goiás tem trabalhado em diversas frentes para melhorar as condições de produção, seja pelo acesso ao crédito, melhoria de estradas, interlocução com mercados etc”, explica Antônio Carlos de Souza Lima Neto, Secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) do estado de Goiás-

Na avaliação do titular da Seapa, apesar do veranico registrado em dezembro do ano passado, os dados apontam para mais uma produção histórica de grãos no Estado, sobretudo em relação à oleaginosa. “O produtor goiano deve colher mais do grão nesta safra e isso se dá pela confiança que tem no setor. Pela determinação do governador Ronaldo Caiado, o Estado deverá continuar entre os protagonistas dessa produção”, avalia Lima Neto.

ARROZ E FEIJÃO

Outras culturas como arroz irrigado e feijão segunda safra também apresentaram crescimento na estimativa divulgada pela Conab. O arroz deve ter incremento de 8,6%, em relação à safra passada, chegando a 130,8 mil toneladas produzidas, sendo a maior parte irrigado, com aumento da área plantada de 16,6 mil hectares na safra 2019/2020 para 18,2 mil hectares na safra 2020/2021.

Também é esperado aumento da produção do feijão segunda safra, que deve chegar a 71,1 mil toneladas na safra 2020/2021 (acréscimo de 5,6% em relação à safra anterior); do milho segunda safra, estimado em 10,5 milhões de toneladas (acréscimo de 0,7%); da produção de girassol, que é apontada em 33,1 mil toneladas (acréscimo de 0,6%); e de sorgo, cuja estimativa leva a uma produção de 1,3 milhão de toneladas (acréscimo de 17,5%).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink