Soja tem melhor preço do ano no País

Agronegócio

Soja tem melhor preço do ano no País

A saca para entrega imediata alcançou o mais alto valor desde abril de 2005
Por: -Juan Velásquez
1 acessos

A saca de soja para entrega imediata no País alcançou neste mês o mais alto preço médio mensal desde abril de 2005 e foi a R$ 29,40 por saca de 60 quilos. A alta é reflexo de uma entressafra no mercado interno causada pelo fim dos estoques da safra velha (2005/06) antes do início da safra nova em janeiro. As informações são da Agência Rural.

"Na semana passada em Rondonópolis (MT) o preço chegou a R$ 29,60", diz a analista da Agência Rural Maria Amélia Tirloni. Este movimento de preços no País distoa da bolsa de Chicago, onde o preço da soja teve baixas acentuadas nas últimas semanas depois de altas seguidas em Chicago entre setembro até o início de novembro.

Os picos de preço em Chicago se refletiram no País e os produtores já venderam 40% da safra brasileira de soja em contratos para a entrega em janeiro e fevereiro de 2007. Na mesma época, em 2005, os produtores haviam vendido apenas 10% de sua produção. Naquele ano, entretanto, as perspectivas eram ruins.

O maior volume de vendas concentrou-se entre outubro e novembro, quando a venda adiantada de safra de soja subiu de 19% para 33%. "Houve muitas vendas durante o mês de novembro quando os preços em Chicago reagiram. Agora, com a redução dos preços, os produtores brasileiros também estão esperando um pouco pela recuperação nos preços internacionais", diz a analista da Agência Rural.

O estado que mais negociou a safra 2006/07 até agora foi o Mato Grosso, cuja produção já está 61% vendida. Sendo que na mesma época em 2005 apenas 19% estavam vendidas. Em seguida está o Tocantins, com 55% da soja vendidas, Maranhão com 53% e Goiás e Piauí com 51% já contratados para janeiro e fevereiro de 2007.

"Quem está vendendo para a entrega em janeiro são os produtores que plantaram mais cedo, até a primeira semana de outubro", diz Emílio Ferrari Ramos, da Agência Rural.

Apesar das cotações em Chicago terem dado uma pausa nas altas, os preços para entrega futura seguem subindo. Segundo levantamento da Agência Rural, os preços da soja para entrega em janeiro e fevereiro foram negociadas entre US$ 9,50 e US$ 9,80 a saca no MT. Já para entregas em março, que começam a ser fechados agora, os preços alcançam entre US$ 10,80 e US$ 10,90 a saca. A região Sudeste tem 33% de sua produção de soja já vendida e a região Sul 22%.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink