Soja volta a cair nos EUA sem acordo com China

ANÁLISE AGROLINK

Soja volta a cair nos EUA sem acordo com China

Trump estaria com intenções de elevar novas tarifas sobre produtos chineses
Por: -Leonardo Gottems
156 acessos

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na quarta-feira (20.11) baixa de 6,50 pontos no contrato de Janeiro/20, fechando em US$ 9,05 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 4,00 e 6,50 pontos.

Os principais contratos futuros tiveram um dia de perdas no mercado norte-americano da soja, ante perspectivas negativas sobre a chegada de um acordo comercial entre Estados Unidos/China. “A soja fechou com perdas acima de US$ 2/tonelada. As expectativas principais estavam focadas na possibilidade de que os EUA eliminem parte das tarifas estabelecidas, para avançar ate a primeira parte do acordo, Assim, o mercado acusou certa decepção quando, desde a Casa Branca, foi anunciado que a assinatura deste acordo poderia não se concretizar neste ano”, aponta a T&F Consultoria Agroeconômica.

De acordo com a ARC Mercosul, os noticiários internacionais foram tomados hoje por declarações de que o presidente Trump estaria com intenções de elevar novas tarifas sobre produtos chineses, caso nenhum consenso seja alcançado sobre a ‘Fase 1 do Acordo Comercial’: “O governo chinês já declarou que demanda a retração tributária sobre alguns de seus produtos, para um acordo parcial ser firmado”.

“Pelo outro lado, Trump se torna irrefutável em seu posicionamento de que nenhuma tarifa já implementada será retirada e que qualquer acordo comercial só irá prevenir a elevação de novos tributos sobre produtos de importação”, concluem os analistas da ARC Mercosul.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink