Suécia e Brasil assinam acordo sobre biocombustíveis

Agronegócio

Suécia e Brasil assinam acordo sobre biocombustíveis

Com relação ao acordo, a Suécia decidiu extinguir a "taxa especial" sobre o etanol introduzida em 1° de janeiro de 2006
Por:
669 acessos

AFP - Suécia e Brasil assinaram nesta terça-feira (11-09) um acordo de cooperação sobre biocombustível, anunciaram o presidente Lula e primeiro-ministro sueco Fredrik Reinfeldt. "Nós assinamos um acordo relativo à pesquisa e à cooperação em matéria de bioenergia", declarou Reinfeldt em entrevista coletiva. Com relação ao acordo, a Suécia decidiu extinguir a "taxa especial" sobre o etanol introduzida em 1° de janeiro de 2006, acrescentou o chefe de governo sueco. "A taxa deverá ser abolida até 1° de janeiro de 2009", precisou.

"Nós não podemos mais responsabilizar o outro sobre as ameaças do nosso planeta. (...) Se cada um assumir sua parte na responsabilidade, tomar boas medidas, então nós teremos uma chance de salvar nosso planeta e vermos as conseqüências disso", declarou Lula, que chegou nesta terça-feira à Suécia para uma visita oficial de dois dias. Lula informou que 200 empresas suecas estão atualmente implantadas no Brasil.

As trocas comerciais entre a Suécia e o Brasil chegaram à cifra de 10 bilhões de coroas suecas, ou 1,068 bilhões de euros, em 2006. Na quarta-feira, depois de ter participado de um seminário de biocombustível, Lula seguirá para Copenhague. Na sexta-feira chega a Oslo e em 17 de setembro, a Madri.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink