Suínos/Cepea: Menor oferta e maior demanda elevam cotações

Agronegócio

Suínos/Cepea: Menor oferta e maior demanda elevam cotações

Após consecutivas semanas de queda nos preços, suinocultores brasileiros têm tido certo alívio.
Por:
474 acessos

Após consecutivas semanas de queda nos preços, suinocultores brasileiros têm tido certo alívio. A oferta de animais para abate diminuiu e o clima mais frio elevou a demanda, contexto que motivou reações significativas das cotações do suíno vivo e da carne.

A recuperação dos preços do animal vivo tem sido verificada em todas as regiões pesquisadas pelo Cepea – as maiores altas têm sido observadas no estado de São Paulo. No atacado da Grande São Paulo, os preços das carcaças comum e especial também reagiram, retornando aos patamares nominais de fevereiro.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink