Suínos/CEPEA: Tanto insumos quanto preço vivo pesam contra suinocultor
CI
Agronegócio

Suínos/CEPEA: Tanto insumos quanto preço vivo pesam contra suinocultor

O movimento de baixa dos preços do suíno vivo persiste em quase todas as regiões acompanhadas pelo Cepea
Por:

O movimento de baixa dos preços do suíno vivo persiste em quase todas as regiões acompanhadas pelo Cepea. No correr deste mês, as desvalorizações do animal chegam a quase 15% em algumas praças de São Paulo. Na região chamada SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), por exemplo, o recuo está em 14,3% na parcial de janeiro (entre 29 de dezembro de 2011 e 26 de janeiro de 2012), com o quilo a R$ 2,67 na quinta-feira. Por sua vez, insumos importantes para a atividade, como milho e farelo de soja, estão ficando mais caros, resultando em perda do poder de compra dos suinocultores.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.