BRF

Suspensão de frango brasileiro na União Europeia preocupa

Cadeia produtiva gera 4,1 milhões de empregos diretos e indiretos
Por: -Leonardo Gottems
264 acessos

A suspensão da produção e certificação sanitária de produtos aviários exportados da BRF para a União Europeia já está produzindo efeitos concretos no Brasil e preocupa diversos setores da cadeia produtiva. A medida foi imposta pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) no último dia 16 de Março. 

Por um lado a suspensão provocou uma baixa de, em média, 20% no preço do frango para o consumidor final brasileiro. Por outro, esse bloqueio pode provocar perdas e desemprego, porque o setor de avicultura gera muitos postos de trabalho e tem um saldo positivo na balança comercial superando os US$ 7 bilhões.

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que representa a avicultura e a suinocultura do país, o setor produtivo gera 4,1 milhões de empregos diretos e indiretos. A entidade se pronunciou em nota, exigindo uma solução rápida e efetiva. "O governo brasileiro precisa e deve esclarecer rapidamente a questão. O país não pode ceder às ameaças que colocam em risco milhares de empregos e as empresas do nosso setor", afirma.

O Brasil é o maior exportador de carne de frango do mundo, com mais de 60 milhões de toneladas enviadas para 203 países. A ABPA também afirma que apenas para a União Europeia foram destinados mais de 5 milhões de toneladas de carne de frango apenas nos últimos 10 anos. "Nunca houve qualquer registro de problemas de saúde pública relacionados à carne brasileira. Não há, portanto, motivos concretos para impor embargos a qualquer empresa de nosso setor, especialmente tratando de fatos passados e que já foram corrigidos", afirmam.

Vale lembrar que a BRF é a maior produtora de carne de frango do mundo. Ela está sendo investigada por fraudes em laudos sobre a doença salmonela, através da Operação Trapaça, que é um desdobramento da Operação Carne Fraca.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink