Syngenta firma parceria global para o desenvolvimento de bionematicidas

Agronegócio

Syngenta firma parceria global para o desenvolvimento de bionematicidas

O objetivo da Syngenta e da Pasteuria é lançar o primeiro produto desta colaboração em um prazo de dois anos
Por: -Joana
2331 acessos
A Syngenta anunciou nesta quarta-feira (28) que firmou uma parceria global exclusiva de tecnologia com a Pasteuria Bioscience Inc., uma empresa de biotecnologia com sede nos EUA. Sob os termos do acordo, as duas empresas desenvolverão produtos de bionematicidas inovadores com base na bactéria Pasteuria spp, que ocorre naturalmente no solo. Este grupo de bactérias controla os nematóides em uma ampla variedade de culturas.

O desenvolvimento conjunto focará inicialmente nos produtos para tratamento de sementes para o controle de nematóides de cisto da soja (NCS), que de acordo com estimativas, pode provocar mais de US$1 bilhão em perdas de safras a cada ano, somente nos Estados Unidos.

O objetivo da Syngenta e da Pasteuria é lançar o primeiro produto desta colaboração em um prazo de dois anos. A adição da Pasteuria complementará a linha AVICTA de nematicidas existentes da Syngenta.

"Esta plataforma global de tecnologia oferecerá aos produtores um novo modo de ação biológica para o controle de nematóides", disse Christoph Goppelsroeder, Diretor Global de Tratamentos para Sementes da Syngenta. "Resultados recentes de testes de campo com soja nos EUA mostraram resultados encorajadores, demonstrando que esta tecnologia, combinada com a expertise em tratamento de sementes da Syngenta, pode proporcionar aos produtores uma oportunidade significativa para o aumento de produtividade."

"Estamos animados em trabalhar em parceria com a Syngenta", disse David Duncan, PhD., Chief Executive Officer da Pasteuria Bioscience. "Essa colaboração é importante para a comercialização de produtos com tecnologia Pasteuria em todo o mundo para uma ampla variedade de culturas agrícolas."

Os detalhes financeiros do acordo não foram divulgados.
 
 
As informações são da assessoria de imprensa da Syngenta

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink