Syngenta leva novidades e informação para a Expoforest 2011

Agronegócio

Syngenta leva novidades e informação para a Expoforest 2011

Serão apresentados os principais produtos do segmento de florestas
Por: -Joana
2936 acessos
Líder em diversos segmentos do agronegócio, a Syngenta começa a expandir sua atuação também na cadeia produtiva de florestas plantadas. Bom exemplo dessa aposta é a participação da empresa na Feira Florestal Brasileira, a Expoforest, que começa hoje e vai até o próximo dia 15, no Horto Florestal da cidade de Mogi Guaçu (SP). Durante o evento, a empresa fará apresentações de resultados de seus produtos já disponíveis para esse segmento e conduzirá palestras com especialistas do setor. Segundo Túlio Teodoro, coordenador de Reflorestamento da Syngenta, o objetivo é promover a integração com produtores e empresas. “A expectativa de movimentação na feira é alta e estamos preparados para conversar com todos os elos dessa cadeia”, acrescenta.

Um dos principais produtos que a Syngenta apresenta na Expoforest é o cupinicida Actara, lançado no final de 2010. Na feira, os visitantes conhecerão melhor os resultados deste inseticida, inclusive com os comentários do engenheiro agrônomo Carlos Wilcken, da Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp (Botucatu, SP). “Ele fez um trabalho de campo comparando o Actara com diversos outros produtos comerciais, e os dados dessa pesquisa serão apresentados durante palestras no próprio estande da Syngenta”, informa Teodoro. Também foram convidados pela empresa o engenheiro agrônomo Marcelo Nicolai, da Esalq/USP, que dará palestras sobre o herbicida Touchdown, e o professor Edson Furtado, da Unesp, que fará uma apresentação sobre fungicidas.

Outros produtos em destaque são o Touchdown e o fungicida Priori Xtra, que tem ênfase no combate da ferrugem de campo e, mesmo ainda na fase de registro, pode chegar ao mercado em um prazo de até dois anos. “Este será o primeiro fungicida registrado para o tratamento de eucalipto”, destaca o coordenador da Syngenta.

Apesar de ter entrado no segmento de florestas plantadas há apenas três anos, a Syngenta tem planos ambiciosos. “Queremos ter o maior e mais completo portfólio de soluções integradas para o plantio e cultivo de árvores”, afirma Teodoro, que também ressalta a importância do estímulo à atividade para a preservação do meio ambiente e sustentabilidade do agronegócio.
 
AS informações são da assessoria de imprensa da Syngenta.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink