Syngenta tem milho próprio para aves


Agronegócio

Syngenta tem milho próprio para aves

Por:
11 acessos

Indústria de biotecnologia fornece híbridos específicos para a suinocultura e a avicultura. A empresa Syngenta Seeds - empresa do grupo Syngenta que atua na área da produção de sementes melhoradas - está aprofundando projetos de pesquisa que envolvem indústrias consumidoras de grãos de milho, agricultores e universidades. Estes projetos têm a finalidade de contribuir para solucionar a problemática da qualidade dentro da cadeia produtiva.

"Desde de 2000 pesquisamos e desenvolvemos milhos híbridos para indústrias de aves e de suínos", afirma Eduardo Botelho, diretor de novos negócios da Syngenta Seeds e idealizador do Projeto de Qualidade de Grãos.

A empresa pesquisa milhos híbridos de alta performance e qualidade de grãos desde a década de 80 e trabalha o tema com os agricultores e universidades, desde 1992. Atualmente 12 híbridos da Syngenta já estão disponíveis no mercado e outros seis se encontram em fase de testes.

Variedades propícias

Botelho informa que os projetos de pesquisa estão possibilitando identificar qual o melhor milho híbrido para cada atividade. "Existem variedades mais propícias para a suinocultura e avicultura e outras especificas para o consumo humano", afirma. O milho utilizado na avicultura, por exemplo, e o manejo desse grão durante o processo de formação têm total influência no desempenho final de uma granja, informa o executivo.

Um bom exemplo dos resultados positivos pode ser conferido na Gale Alimentos, indústria de aves da região Centro-Oeste, onde por meio de um projeto-piloto foram testadas 400 mil aves com híbridos da Syngenta. Houve redução da taxa de mortalidade das aves em 2% (de 4,7% para 2,7%), bem como "uma melhora significativa na conversão alimentar".

"Para uma indústria que abate 80 mil aves por dia, 2% é uma redução significativa. Com uma ração de melhor valor nutricional, além do desempenho das aves, a indústria pode reduzir algum outro ingrediente utilizado no preparo da ração como por exemplo o farelo de soja, por exemplo, de custo maior", afirma Eduardo Botelho.

O ineditismo da iniciativa, na avaliação de Botelho, se deve à participação das indústrias nos projetos. "Hoje estamos conseguindo aproximar a indústria do agricultor. A preocupação com a qualidade começa a ser percebida por ambos e os benefícios por ela oferecidos também", destaca.

Para produzir um grão de qualidade e alta performance é fundamental conhecer os participantes da cadeia produtiva. A indústria, por exemplo, que fabrica ração e tem como matéria-prima os grãos. "As indústrias produzem diferentes tipos de rações para cada fase de vida dos suínos e das aves. Portanto, é muito importante o diálogo com os consumidores de milho."

Outro elo importante é o segmento supermercadista, comprador da carne do frango e revendedor para o consumidor final. "O processo deve ser acompanhado desde a seleção dos ingredientes que compõem a ração até o ponto-de-venda", afirma o executivo.

Garantia de qualidade

A qualidade do milho - que responde por 60% da composição da ração das aves e suínos - é um item que depende de diferentes características físicas e bioquímicas tanto do grão como da planta. Para garantir a qualidade dos produtos da Syngenta Seeds, o Grupo Coordena - criado por profissionais da Syngenta Seeds - atua de forma inédita no monitoramento e controle de pontos críticos na cadeia de produção agrícola.

A coordenação de cadeias no agronegócio de produção de aves, suínos e nutrição humana são os focos pouco exploradas no país, o que diminui a competitividade das empresas brasileiras em relação às suas concorrentes internas e externas, dificultando ainda mais a viabilidade de negócios e comercialização de seus produtos.

Pontos críticos

Através do Grupo Coordena, a Syngenta Seeds pode ajudar a resolver alguns pontos críticos da produção animal e da alimentação humana, como altos índices de trincas e quebras de grãos durante a secagem do milho, desenvolvimento de fungos e insetos durante a armazenagem, perda de peso e valor nutricional do grão, altos índices de micotoxinas, alta mortalidade inicial, baixas taxas de conversões alimentares e desenvolvimento desigual dos animais, entre outros.

A Syngenta Seeds é uma empresa do grupo Syngenta - originado a partir da união da Novartis Agribusiness, Novartis Seeds e Zeneca Agrícola - que atua sob marcas já consagradas no mercado internacional, como NK (milho, soja, sorgo, arroz e algodão) S&G (flores) e Rogers (hortaliças).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink