Agronegócio

Tarde de Campo aborda fruticultura em Santa Cruz do Sul

Cerca de 60 agricultores de Santa Cruz do Sul, beneficiários da Chamada Pública da Sustentabilidade, participaram de uma Tarde de Campo sobre Fruticultura.
Por:
245 acessos

Cerca de 60 agricultores do município de Santa Cruz do Sul, beneficiários da Chamada Pública da Sustentabilidade, participaram na quinta-feira (02/06) de uma Tarde de Campo sobre Fruticultura. A atividade, realizada na propriedade do agricultor Astor Rachor, na localidade de Linha São Martinho, foi promovida pela Emater/RS-Ascar, em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura.

Nos temas abordados constou a prática de poda nos citros, pêssego, ameixa e caqui; controle e manejo de pragas e doenças nas frutíferas. As atividades foram coordenados pelos extensionistas da Emater/RS-Ascar, técnicos em agropecuária Paulo Zampieri, Vilson Piton, engenheiro agrônomo Marcelo Cassol e o extensionista social, Reinaldo Kucharski. 

O município de Santa Cruz do Sul possui atualmente 40 hectares cultivados com laranjas das variedades valência, céu e umbigo, e em torno de 12 hectares de bergamotas das variedades montenegrina, ponkan e okitsu. Segundo Zampieri, as frutas são comercializadas nas feiras rurais, na Coopersanta, mercados institucionais como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), bem como em mercados locais e regionais. "A previsão para comercialização neste ano é de 400 toneladas de laranjas e 100 toneladas de bergamotas", destaca o extensionista.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink