Termina o plantio do arroz no Sul de Santa Catarina

Agronegócio

Termina o plantio do arroz no Sul de Santa Catarina

Condições climáticas dos últimos dois meses levam produtores catarinenses a apostar numa boa safra em 2007
Por: -Cristiano Dalcin
2 acessos

O plantio do arroz da safra 2006/2007 foi finalizado no final de semana passado com boas perspectivas no Sul, maior região produtora de Santa Catarina. As condições climáticas dos dois últimos meses ajudaram no manejo das lavouras, mas as estimativas de produtividade só podem ser feitas a partir de janeiro e fevereiro, quando tem início a floração.

O produtor Celeste Tomasi, 59 anos, é um exemplo dessa fase de transição da cultura do arroz no Sul do Estado. No sábado, o agricultor encerrou o plantio ao semear 30 hectares de uma área localizada em São Bento Baixo, Nova Veneza.

Mas no dia anterior, Tomasi esteve na localidade de São Gabriel, em Forquilhinha, onde possui uma área de 50 hectares semeada em outubro.

Falta de chuva só atrapalhou no início

"Por enquanto, está tudo bem. Mas no ano passado houve granizo e vento, que pegou algumas áreas", relata enquanto olha o tapete verde formado pela lavoura em fase inicial de desenvolvimento.

De acordo com presidente da Associação de Irrigação e Drenagem de São Miguel, de Forquilhinha, Ludomir Vestro, o clima só atrapalhou na fase inicial do plantio, devido a escassez das chuvas. O nível do lago da barragem do Rio São Bento estava baixo e impossibilitou o uso da água, deslocada por gravidade. "Com isso, os produtores bombearam água do rio Mãe Luzia, e aumentou o custo de produção".

Já o gerente regional da Epagri de Araranguá, Eclair Alves Coelho, explica que as chuvas ocorreram "na hora certa" para os 53 mil hectares espalhados no Vale do Araranguá. "Em algumas lavouras até a segunda troca de água foi feita e não houve necessidade de fazermos o deslocamento de água com bombas".

Com o encerramento do plantio, os produtores torcem pela estabilidade da temperatura acima de 20 graus em dezembro, com períodos de insolação durante o dia e pancadas de chuva à noite. A torcida se estende para os meses de janeiro e fevereiro, período da floração, em relação a ventanias e granizo.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink