TO: Potencial de área irrigada pode garantir crescimento do setor canavieiro
CI
Agronegócio

TO: Potencial de área irrigada pode garantir crescimento do setor canavieiro

Estão participando do evento, empresários, produtores e profissionais interessados no setor
Por:
Estão participando do evento, empresários, produtores e profissionais interessados no setor
 
“O Tocantins tem o maior potencial de área irrigada do mundo [cerca de 4,8 milhões de hectares], o que aumenta as expectativas de desenvolvimento do setor canavieiro no Estado”, explicou o diretor de Sustentabilidade no Agronegócio da Seagro – Secretaria da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Corombert Leão. O assunto foi abordado na tarde desta quinta, 08, dentro da programação do I Simpósio Tocantinense sobre o Cultivo da Cana-de-açúcar, que acontece nos dias 8 e 9, na sede da Coapa – Cooperativa Agroindustrial do Tocantins, no município de Pedro Afonso.

Em outra palestra, do professor Erich Collicchio, da Universidade Federal do Tocantins, foi apresentado um zoneamento sobre o cultivo da cana-de-açúcar no Estado. De acordo com o professor, através do emprego de tecnologia da irrigação é possível o Tocantins produzir cana-de-açúcar numa escala similar aos principais estados produtores, como Goiás, Bahia e Mato Grosso. “Nosso zoneamento mostra que no Tocantins existe uma pequena área com total aptidão ao plantio de cana-de-açúcar [plantio que não necessita de irrigação] e por outro lado uma vasta área com aptidão marginal, isto é, que necessita de irrigação para uma produção eficaz”, afirmou Erich Collicchio.

Ainda segundo Collicchio, a necessidade de irrigação não inviabiliza a produção, podendo até ser um fator de crescimento do setor, uma vez que o Estado disponibiliza uma grande área de potencial irrigável, em razão da quantidade de águas.

Também apresentaram palestras na tarde desta quinta-feira, o agrônomo Carlos Daniel Berro Filho com o tema: ‘Perspectivas da Produção de Cana-de-açúcar’ e Ângelo José Duarte sobre ‘Mecanização do Cultivo da Cana-de-açúcar’ – ambos técnicos da Bunge Brasil, unidade Pedro Afonso.

Simpósio

O evento foi organizado pela Seagro, Bunge Brasil (que possui uma usina em Pedro Afonso) e Coapa, com o objetivo de discutir as perspectivas da produção de cana-de-açúcar no Estado. A programação segue nesta sexta, dia 9, com novas palestras ministradas por especialistas no assunto. Estão participando do evento, empresários, produtores e profissionais interessados no setor.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.