Trabalho de mulheres na cafeicultura é tema de seminário da Emater-MG na internet
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,650 (0,00%)
| Dólar (compra) R$ 5,55 (0,74%)

Imagem: Marcel Oliveira

WEBINAR

Trabalho de mulheres na cafeicultura é tema de seminário da Emater-MG na internet

Minas Gerais tem 26 grupos de mulheres envolvidas na atividade
Por:
527 acessos

A Emater-MG irá promover na próxima quinta-feira (16/7) um seminário on-line, também chamado de webinar, com o tema “Mulheres do Café”. O evento virtual será transmitido ao vivo, a partir das 16 horas, pelo canal da empresa no Youtube: youtube.com/ematerminas. O acesso é gratuito, sem necessidade de inscrição. O seminário faz parte da Expocafé on-line, que tem uma extensa programação de eventos técnicos na internet, de 14 a 16 de julho.

O webinar “Mulheres do Café” vai apresentar casos de sucesso e discutir a atuação das mulheres na cafeicultura. Minas Gerais é o maior produtor de café do país e deve colher este ano entre 30,7 milhões e 32 milhões de sacas.

“O evento visa conectar as mulheres e seus grupos, promovendo trocas de experiências e conhecimentos. Serão discutidos temas como a autonomia das mulheres, sua visibilidade e algumas oportunidades de mercado, como os cafés especiais”, explica a coordenadora técnica estadual da Emater-MG, Márcia Campanharo.

De acordo com a coordenadora, um levantamento da Emater-MG identificou 26 grupos de mulheres em Minas Gerais que trabalham com o café. São mais de mil participantes. A maioria dos grupos está no Sul de Minas. As mulheres participam de concursos de qualidade do café, excursões técnicas, organizam encontros, dias de campo, entre outras atividades.

Participações

A abertura do webinar será feita pela secretária de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Ana Valentini. Ela ressalta os avanços de qualidade trazidos pelas mulheres à cafeicultura. “Elas contribuíram de forma significativa para elevar o nível da produção. Além da habilidade feminina para se atentar aos detalhes e o capricho que lhes é tão peculiar, elas investiram no aprendizado, na capacitação e na profissionalização para produzir cafés de alta qualidade. É notável, também, a presença de muitas mulheres nas pesquisas de café, como na própria Epamig. Elas estão estudando a cafeicultura, seja na parte agronômica ou na parte de produção. A participação feminina tem feito a diferença”, destaca.

Um dos exemplos da atuação feminina na cafeicultura será abordado na apresentação da produtora Simone Carneiro de Morais Sousa. Ela é CEO da Santa Quitéria Cafés Especiais, diretora institucional da Associação de Mulheres Empreendedoras de Café da Serra da Mantiqueira (Amecafé) e diretora no Brasil da Aliança Internacional das Mulheres do Café (IWCA). A IWCA é uma rede formada por mulheres envolvidas em toda a cadeia do negócio café, do grão à xícara.

Durante o seminário, também serão exibidos depoimentos de outras produtoras rurais que estão se destacando na atividade. Um deles será da agricultora Maria Simone Prock Borges, que produz café em uma propriedade certificada pelo programa Certifica Minas Café, em Campanha, no Sul de Minas.

O outro depoimento será da presidente da Cooperativa dos Agricultores Familiares de Poço Fundo e Região (Coopfam), Vânia Lúcia Pereira da Silva, que vai contar sua trajetória como cafeicultora, até chegar à presidência da cooperativa em 2019.

“Enfrentei preconceitos. Acredito que seja porque os fundadores, os pioneiros da Coopfam, ficaram inseguros em deixar a cooperativa nas mãos de uma mulher. Isso é compreensível pensando na forma como foram criados. Hoje tenho o apoio deles. Através de resultados concretos podemos mostrar que somos capazes de assumir cargos de liderança”, afirma Vânia da Silva, que produz café orgânico.

Durante o webinar, os internautas poderão fazer perguntas pelo bate-papo do canal da Emater-MG no Youtube.

Expocafé

Além do webinar “Mulheres do Café”, a Expocafé 2020 tem uma programação técnica que inclui painéis temáticos ao vivo, dicas de pesquisadores e demonstrações em campo (seguindo as recomendações de segurança e de distanciamento social). Tradicional evento da cafeicultura nacional, a Expocafé este ano ganhou uma versão virtual por causa da pandemia da Covid-19.

O evento também tem uma plataforma on-line que possibilitará, até o dia 14 de agosto, a exposição de máquinas, equipamentos e insumos agrícolas. A Expocafé é promovida pelo governo de Minas Gerais, por intermédio da Epamig,  empresa vinculada à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A Emater-MG é uma das instituições apoiadoras do evento e conta com um estande na feira virtual, onde apresenta seus principais programas voltados para a cafeicultura mineira. A programação completa da Expocafé está no site www.expocafeoficial.com.br .

Webinar “Mulheres do Café”
Data: 16 de julho (quinta-feira)
Horário: 16 horas
Acesso: www.youtube.com/ematerminas


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink