Agronegócio

Transportes terão mais de R$ 58 bi em investimentos até 2010

Os investimentos previstos serão pesados em infra-estrutura logística
Por: -Lana Cristina
1 acessos

Os investimentos previstos no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) serão pesados em infra-estrutura logística, que engloba as rodovias, portos, ferrovias, aeroportos e hidrovias. O objetivo é facilitar o transporte de cargas e mercadorias, de forma a ter um impacto positivo no custo dos produtos. Até 2010, serão investidos R$ 58,3 bilhões em logística, sendo R$ 13,4 bilhões só neste ano.

Nos próximos quatro anos, o plano prevê a construção, adequação, duplicação e recuperação de 42 mil quilômetros de estradas, o que consumirá a maior parte dos investimentos de logística. Serão R$ 33,5 bilhões até 2010. O governo prevê ainda a participação da iniciativa privada em outros 3,2 mil quilômetros de rodovias, por meio dos contratos de concessão.

As medidas vão buscar também a ampliação e a melhoria de 12 portos marítimos e 20 aeroportos. Os investimentos em hidrovias incluem a construção da eclusa de Tucuruí, no Pará e a construção e melhoria de 67 portos hidroviários. A marinha mercante, atividade econômica que engloba o transporte comercial de mercadorias, foi inserida no PAC no item ‘projetos especiais’ e terá investimentos de R$ 10,6 bilhões.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink