Travado recurso do censo florestal

Agronegócio

Travado recurso do censo florestal

Atraso ocorreu porque o convênio envolve várias entidades
Por:
1368 acessos

A espera de R$ 1,9 milhão para execução do diagnóstico florestal do Rio Grande do Sul, que se estende desde abril, deve prosseguir até 2011. A informação é do presidente da Ageflor, Leonel Menezes, que visitou, nesta quarta-feira (24), o Correio do Povo para divulgar a entrega do Prêmio Mérito Florestal na noite desta quinta-feira (25).

Segundo o secretário do Meio Ambiente, Giancarlo Tusi Pinto, o atraso ocorreu porque o convênio envolve várias entidades (Meio Ambiente, Agricultura e Desenvolvimento). "Fizemos um termo que contempla cada uma das partes e define exatamente o que cada uma vai fazer." A Sema, que administra o Fundeflor, garante que a verba está orçada e que, se não for repassada neste ano, ficará para 2011. A partir do repasse, será levantada a área cultivada com silvicultura no Estado e os gargalos do setor.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink