Três paraenses estão entre os finalistas do programa CNA Jovem do Senar
CI
Imagem: Eliza Maliszewski
EVENTO

Três paraenses estão entre os finalistas do programa CNA Jovem do Senar

O Sistema CNA/Senar divulgou a lista dos 80 aprovados para a segunda fase da quarta edição nacional do CNA Jovem
Por:

O Sistema CNA/Senar divulgou a lista dos 80 aprovados para a segunda fase da quarta edição nacional do CNA Jovem, programa de desenvolvimento de novas lideranças. Três jovens do Pará estão entre os 80 finalistas representantes de todas as regiões brasileiras, são eles: Antônia Vanderlane Albuquerque da Costa, Breno Monteiro dos Santos e Quésia Sá Pavão.

O CNA Jovem está focado na liderança empreendedora e desafia os participantes a buscar soluções e propostas inovadoras para alcançar maior protagonismo no setor agropecuário.

Essa edição do programa CNA Jovem registrou recorde de inscrições com um total de 3.742 jovens. Desde agosto de 2020, os jovens participam de atividades online introdutórias, classificatórias e eliminatórias.

A engenheira agrônoma e especialista em Agronegócio, gestão empresarial e inteligência competitiva, Antônia Vanderlane Albuquerque da Costa, finalista do programa CNA Jovem pelo Senar Pará, conta que conheceu o programa através de uma publicação no Instagram e que foi a melhor propaganda já vista.

“Na oportunidade me escrevi e o programa ultrapassou as minhas expectativas. Foram meses de trabalhos que me fizeram refletir sobre meu propósito de vida e que certamente será de grande valia para contribuir cada vez mais para o crescimento do agro. É com muito orgulho e satisfação que estarei levando o nome de Capitão Poço e representando o Estado do Pará na segunda fase”, revela Antônia.

A engenheira agrônoma e doutoranda em agronomia, Quésia Sá Pavão, finalista do CNA Jovem pelo Senar Pará, também conheceu o programa através do Instagram e diz acompanhar o trabalho do Sistema CNA e do Sistema Faepa/Senar nas redes sociais. Qúesia conta que o programa teve um impacto muito positivo na sua vida pessoal e profissional.

“Foi algo muito marcante descobrir o meu propósito.  Além desse ganho pessoal, pude propor um problema relevante no setor agropecuário, fruto da minha inquietação. "Pensar dói" foi a frase que mais fez sentido para mim durante essa jornada. É gratificante ver o resultado disso e melhor será quando eu ver meus beneficiários e liderados conseguindo alcançar seus resultados”, destaca Quénia.

Para o técnico em Aquicultura e acadêmico do curso de Zootecnia e Gestão em Agronegócio da Faculdade CNA - Polo Santa Izabel do Pará, Breno Monteiro dos Santos, também finalista do programa CNA Jovem pelo Senar Pará, um evento online despertou seu interesse pelo programa.

“Senti o interesse de participar para adquirir novos conhecimentos e estar por dentro do agronegócio. Não imaginava a dimensão do programa, o qual foi bastante desafiador na fase inicial. Quero garantir uma maior integração entre os agricultores/ moradores do campo para o fortalecimento e desenvolvimento de suas comunidades rurais”, observa Breno, que conta ter aprendido muito com as atividades da fase digital, “principalmente por definir um propósito de vida pessoal e profissional. Estou feliz em estar entre os 80 jovens líderes do agro do Brasil e ser um dos três representantes do estado do Pará", comenta orgulhoso.

A partir de agora, os jovens finalistas serão divididos em grupos e terão a oportunidade de desenvolver soluções inovadoras para os desafios propostos nas fases anteriores com foco nas áreas empresarial, institucional, sindical, política e educacional.

Ao final da jornada, as iniciativas vencedoras serão reconhecidas pelo Sistema CNA/Senar.

Para conhecer a lista dos finalistas e obter mais informações sobre o programa, acesse:

cnajovem.org.br


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink