Trigo: Leilões não favorecem liquidez ao mercado

Agronegócio

Trigo: Leilões não favorecem liquidez ao mercado

A baixa liquidez segue marcando o mercado interno de trigo nos últimos dias
Por:
405 acessos

A baixa liquidez segue marcando o mercado interno de trigo nos últimos dias. Segundo análises do Cepea, nem mesmo com a ajuda do governo brasileiro, por meio de leilões, houve aumento da movimentação no setor. Dessa forma, faltou suporte para a cotação do cereal. No Paraná, entre 21 e 28 de julho, o valor médio do trigo pago ao produtor (mercado de balcão) teve alta de 0,73% e nas negociações entre empresas (lotes) houve queda de 0,88%. No Rio Grande do Sul, a cotação no mercado de balcão recuou 2% e, no mercado de lotes, 1,06% no período.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink