Trigo/Cepea: Queda no valor do grao é repassada aos derivados

Agronegócio

Trigo/Cepea: Queda no valor do grao é repassada aos derivados

Os preços do trigo em grao e dos derivados (farelo e farinha) encerraram o mes de outubro em queda
Por:
406 acessos

Os preços do trigo em grao e dos derivados (farelo e farinha) encerraram o mes de outubro em queda. Para o grao, os valores foram influenciados pelo avanço da colheita e pela queda do dólar. No caso do farelo, a pressao vem da maior disponibilidade de trigo em grao e da consequente queda nos preços desta matéria-prima. Para o setor de raçao animal, o trigo em grao chega a estar mais competitivo que o farelo ? colaboradores do Cepea afirmam que muitas indústrias tem utilizado o trigo em grao para a composiçao da raçao, no intuito de diminuir os custos.

Quanto ao mercado de farinhas, as cotaçoes também acumulam recuo em outubro. Compradores seguem retraídos, sem interesse em adquirir novos lotes no curto prazo e em fechar contratos, visto que estao na expectativa de preços menores em novembro. Nessa segunda-feira, 31, o preço médio do trigo CEPEA/ESALQ no Rio Grande do Sul fechou em R$ 593,91/t, queda de 3,14% em sete dias e de 12,65% no mes. No Paraná, o valor médio do cereal foi de R$ 633,06/t na segunda-feira, 0,23% menor na semana e 2,39% no mes. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink