União Brasileira de Avicultura promove encontro regional em Fortaleza (CE)

Agronegócio

União Brasileira de Avicultura promove encontro regional em Fortaleza (CE)

Reunião da entidade nacional e setor produtivo nordestino acontece durante a Pecnordeste 2009
Por: -Renata
339 acessos
As lideranças da União Brasileira de Avicultura (UBA) e da cadeia produtiva do nordeste brasileiro estarão reunidas no próximo dia 17 de junho, em Fortaleza (CE), para a realização da Plenária Regional que acontecerá durante o XIII Seminário Nordestino de Pecuária, o Pecnordeste 2009.

Contando com a presença do presidente da UBA, Ariel Mendes, do vice-presidente técnico e científico da entidade, Antônio Guilherme Machado e do Presidente Executivo da Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frangos (ABEF), Francisco Turra, a plenária deverá ser um grande centro de discussões sobre os rumos que a cadeia produtiva regional deverá tomar nos próximos meses.

"Nossa expectativa é grande, já que temos uma forte produção de frangos e de ovos no Nordeste. Considerando o potencial produtivo e a instalação de novas plantas frigoríficas na região, a interação entre os estados nordestinos e o resto do país torna-se ainda mais importante", ressalta Mendes, lembrando que a produção nacional de frangos vive hoje um momento de ajuste de produção.

A produção de frangos nordestina tem hoje dois Estados entre os 12 maiores produtores do país - Pernambuco (10°), com 50,5 milhões de cabeças abatidas em 2008 e Bahia (11°), com 39 milhões de abates no período. Na produção de ovos, o nordeste é ainda mais destacado, com três dos 10 maiores produtores do país - Pernambuco (5°), com 4 milhões de caixas de 30 dúzias em 2008, Ceará (7°), com 2,7 milhões de caixas e Bahia (9°), com 1,3 milhões de caixas.

"O nordeste é a segunda região mais populosa do país, e por isso mesmo, um dos mercados com maior potencial de crescimento em todo o território nacional. A cadeia nordestina tem um grande mercado interno para incrementar o consumo do produto avícola",destaca Mendes.

Mesmo com o grande potencial que detém, a avicultura nordestina ainda precisa superar grandes desafios. Um deles é o custo de produção. "O nordeste tem algumas peculiaridades frente à produção avícola nacional em geral. Os insumos, por exemplo, são obtidos por preços mais altos que em outras regiões, exatamente por conta da distância dos pólos produtores de grãos. Isto acaba influenciando nos preços finais para o consumidor. Por este motivo, encontros como o que promoveremos são fundamentais, para buscar soluções viáveis para a cadeia produtiva local", explica o presidente da entidade nacional.

A Reunião Plenária Regional do Nordeste da UBA está programada para acontecer a partir das 9h, no Centro de Convenções do Ceará - local que abrigará a PECNORDESTE 2009.

As informações são da assessoria de imprensa da UBA (União Brasileira de Avicultura).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink