USDA aumentou estimativas de importação de carne bovina em 2016 e 2017

Agronegócio

USDA aumentou estimativas de importação de carne bovina em 2016 e 2017

As importações norte-americanas de carne bovina para esse ano aumentaram em 1,6% com relação às projeções de julho.
Por:
398 acessos

As importações norte-americanas de carne bovina para esse ano aumentaram em 1,6% com relação às projeções de julho, para 1,34 milhão de toneladas, ainda que todas as formas ficariam 12% abaixo das de 2015. Para 2017, as estimativas aumentaram em 1,9%, para 1,18 milhão de toneladas.

As correções foram realizadas em parte pelas expectativas de maiores compras do Brasil durante a segunda metade do ano, disse o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) em seu relatório sobre Oferta e Demanda.

Com relação à produção de carnes vermelhas, o USDA reduziu sua projeção para esse ano, já que os aumentos na carne bovina e de peru foram ultrapassados pelas baixas na produção de carne suína e de frango. Segundo o relatório, melhoram as estimativas de produção de carne bovina, já que se espera um crescimento nos abates de novilhos e novilhas no terceiro trimestre. Os números foram aumentados de 11,34 milhões de toneladas a 11,351 milhões de toneladas para 2016 e 11,72 milhões a 11,732 milhões de toneladas para 2017.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink