USDA rebate alta nas cotações

Agronegócio

USDA rebate alta nas cotações

A soja ocupa 30,43 milhões de hectares – 550 mil a menos do que a estimativa do trimestre passado
Por:
2231 acessos
A previsão de que os Estados Unidos terão menor área de soja e maior de milho esfriou as cotações nos últimos dias, inclusive no caso da oleaginosa, cujo estoque mostra-se além do esperado. A soja ocupa 30,43 milhões de hectares – 550 mil a menos do que a estimativa do trimestre passado – e o milho 37,35 milhões – 50 mil a mais –, mostra o relatório trimestral do Depar­tamento de Agri­cultura do país (USDA) divulgado na última semana. O mercado apostava que a área de milho fosse 600 mil hectares menor.


No caso da soja, apesar da redução de área, os preços não subiram porque os estoques foram elevados a 16,8 milhões de toneladas em um relatório paralelo. O mercado previa 16,2 milhões de toneladas. No Paraná, as cotações sustentaram R$ 23,9 para o milho e R$ 39,8 para a soja (saca de 60 quilos) mesmo diante dos novos números.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink