Usina do PR negocia aquisições

Agronegócio

Usina do PR negocia aquisições

Grupo Santa Terezinha está prestes a fechar a compra da Coocarol e Usaciga
Por:
386 acessos
O grupo Santa Terezinha, com sede em Maringá (PR), está prestes a concluir a compra de duas usinas de açúcar e álcool no Paraná, apurou o Valor. Maior companhia sucroalcooleira do Estado e a quarta no ranking do país, o grupo processa cerca de 15 milhões de toneladas de cana - quase um terço de toda a produção da matéria-prima do Estado.

Os alvos do grupo paranaense são as usinas Coocarol, localizada em Rondon, e a Usaciga, instalada na Cidade Gaúcha, ambas no noroeste do Estado. 

Foto DestaqueAs negociações estão mais avançadas com a Coocarol (Cooperativa Agro Industrial dos Produtores de Cana de Rondon), que processa cerca de 1,8 milhão de toneladas de cana. Esta unidade foi arrendada no ano passado pela companhia, que optou agora pela compra. A aquisição da Usaciga, com capacidade de moagem para 2,3 milhões de toneladas, está adiantada, mas ainda depende de entendimentos com os acionistas da usina.

A Usaciga é controlada pela CEB (Clean Energy Brazil), empresa de investimentos que possui participação de 49% na usina. Os 51% pertencem à família fundadora da empresa. A Santa Terezinha aguarda a renegociação das dívidas desta usina com os bancos credores para concluir a aquisição, afirmou uma fonte familiarizada com a negociação.

A CEB, criada em dezembro de 2006, comprou nos últimos anos participações em usinas de médio porte no país, mas em 2008 foi abatida pela crise financeira global e está em processo de reestruturação. Procurada, a CEB não comenta o assunto. A empresa informou, por meio de sua assessoria, que qualquer alteração societária será comunicada à Bolsa de Valores de Londres (Alternative Investment Market), onde a empresa está listada.

À época da aquisição, a CEB desembolsou US$ 127 milhões pela fatia de 49% da Usaciga. O escritório Leoni Siqueira Advogados está assessorando o grupo paranaense. Procuradas, a empresa e o escritório não comentam o assunto.

A região noroeste do Estado, onde estão localizadas as duas usinas em negociação pelo grupo paranaense, é considerada estratégica para a expansão da Santa Terezinha, afirmaram fontes do setor. Fontes ouvidas pelo Valor afirmam que a Santa Terezinha tem focado sua expansão na região noroeste do Estado, que é favorecida geograficamente pela malha ferroviária da ALL (América Latina Logística).

Com faturamento de cerca de R$ 1 bilhão, a companhia, controlada pela família Meneguetti, é a maior consolidadora do Estado. Com seis usinas em operação, a Santa Terezinha também possui participação majoritária em dois terminais portuários - um de açúcar, a Pasa (Paraná Operações Portuárias), e de álcool, o Álcool do Paraná Terminal Portuário SA, além de ser acionista de uma das maiores tradings nacionais, a CPA Trading.

O Paraná deverá processar nesta safra 2009/10 cerca de 48 milhões de toneladas de cana, de acordo com estimativas preliminares da Associação dos Produtores de Açúcar e Álcool do Estado (Alcopar). O Paraná já foi o segundo maior produtor de cana do país, mas foi ultrapassado por Minas Gerais.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink