Vacinação deve reforçar defesa de 47% do gado no PR

Agronegócio

Vacinação deve reforçar defesa de 47% do gado no PR

Devem ser vacinadas perto de 4,3 milhões de cabeças
Por:
751 acessos
O governo do estado lança, no sábado (30), na Colônia Witmar-sum, em Palmeira, a 60 quilômetros de Curitiba, a campanha de vacinação contra a aftosa que será realizada durante todo o mês de maio. Trata-se da primeira etapa de imunização do ano, reservada para animais de até 24 meses. Devem ser vacinadas perto de 4,3 milhões de cabeças, ou 47% do rebanho, estimado em 9,2 milhões de animais.


Depois de registrar leve queda no índice de vacinação de novembro de 2010 – que foi de 95% –, o governo do estado voltou a estabelecer como meta 100% de cobertura vacinal. Índices de 97% foram atingidos em estados como Mato Grosso.

O medicamento está chegando às revendas com aumento de preço de até 30%. O pecuarista chega a pagar R$ 1,60 por dose. Ou seja, para cumprir a meta de vacinação, o setor deverá investir R$ 6,3 milhões na campanha.

Até bezerros recém-nascidos precisam ser imunizados, conforme o governo do estado. O pecuarista que não participar da campanha pode ser multado em R$ 96 por cabeça. Quem só possui animais com mais de 24 meses, ainda assim, deve recadastrar o rebanho.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink