Valorização do Real tira R$ 330 milhões da receita de exportadores de frango

Agronegócio

Valorização do Real tira R$ 330 milhões da receita de exportadores de frango

Por:
1 acessos

A valorização do Real em relação ao dólar, desde junho de 2004, fez com que o setor exportador de frango deixasse de lucrar R$ 330 milhões, segundo Júlio Cardoso, presidente da Associação Brasileira de Produtores e Exportadores de Frango (Abef).

Essa perda de receitas ocorreu, segundo ele, porque a queda do valor do dólar em relação ao Real puxou para baixo o preço médio do frango exportado na conversão para a nossa moeda. Em maio, o preço de venda por quilo do frango exportado era de R$ 3,50, mas em dezembro o quilo rendia pouco mais de R$ 3,00. De acordo como Cardoso, se esse preço fosse praticado durante todo o ano os exportadores perderiam R$ 750 milhões.

Na opinião do presidente da Abef não está afastada a possibilidades de "haver uma redução de investimentos neste ano no setor", mas a produção ainda deve se manter em crescimento, embora com aceleração reduzida. Cardoso explica que se mantido o atual valor médio do dólar a receita deve crescer entre 2 e 3%.

Uma das metas para este ano da Abef é conseguir consolidar o grande aumento de vendas para a Ásia. Em 2004, as exportações do setor para esse continente representaram 29,9% da renda, mais do que para o Oriente Médio, que correspondeu a 27,0%.

Outra preocupação do setor é uma possível ofensiva de vendas externas dos Estados Unidos, em razão do aumento da competitividade do seu produto em razão da desvalorização mundial do dólar.

A Abef divulgou nesta quarta-feira (12-01), em São Paulo, os dados das exportações de frango em 2004. Segundo o levantamento, o Brasil passou a responder por 43% das exportações de frango mundiais, consolidando a liderança que o país conquistara em 2003.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink