Vaquejadas: Bons negócios à vista

Agronegócio

Vaquejadas: Bons negócios à vista

Eventos voltados especialmente para animais de vaquejada são recentes no Nordeste do Brasil
Por:
891 acessos
Eventos voltados especialmente para animais de vaquejada são recentes no Nordeste do Brasil. Assim, a comissão organizadora do 6º Leilão Vaquejada e Trabalho que acontece no próximo dia 11 de maio, no Parque da Pecuária, durante a Expoalagoas Genética 2011, em Maceió (AL), está bastante otimista e acredita em negociações de alto valor. O remate é promovido pelos Haras Porto Rico, da Marla Tenório, e CPMF, do criador Celso Pontes de Miranda Filho. Os lotes já foram selecionados e estão à disposição dos compradores interessados em apreciar a qualidade do produto.


A demanda para animais prontos para o trabalho aumentou tanto em Alagoas, como em todo o Nordeste e a expectativa é de bons negócios. O Leilão Vaquejada e Trabalho já atingiu média de R$ 600 mil em outras edições. Na opinião dos criadores Celso e Marla, isso comprova a qualidade da genética ofertada. "A demanda é cada vez maior para este tipo de animal", diz a proprietária do Haras Porto Rico.

Nesta edição, mais de 50 lotes serão ofertados. Destes, 21 serão do haras Porto Rico. De acordo com Marla, o destaque será um garanhão que, segundo ela, tem o sangue das 2 genéticas mais consagradas do criatório. "As fêmeas que irão para a arena são filhas ou irmãs de éguas produtoras e quase todos os potros estão em idade de doma", revela a pecuarista.


Mesmo sendo um mercado novo no Brasil, Marla garantiu a qualidade dos animais que colocará a venda."Estamos há 40 anos investindo neste segmento, tempo suficiente para fazer os cruzamentos e ter bons resultados".

As atrações da Expoalagoas Genética 2011 serão bem variadas. Além dos leilões, rodeios e shows, haverá ainda palestras e exposições especializadas, voltadas aos criadores de bovinos, ovinos e caprinos. O julgamento Regional Nordeste do Nelore, evento que atrairá pecuaristas de todo o Brasil, promete movimentar a Expoalagoas.

Também estão confirmadas a 1ª exposição especializada de bovinos Sindi, Guzerá e Gir Leiteiro. Cada raça terá em média 60 animais em julgamento. No setor de ovinocaprinocultura acontece a 2º exposição regional de Boêr, com 150 caprinos e a raças Dorper e White Doper participarão com 200 animais em julgamento.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink