Vazio sanitário surte efeito contra ferrugem em MT

Agronegócio

Vazio sanitário surte efeito contra ferrugem em MT

A constatação foi feita pela equipe que visitou lavouras em seis regiões do Estado
Por: -Redação
1 acessos

O vazio sanitário implantado este ano para controlar a ferrugem asiática manteve a doença em baixos níveis de incidência em Mato Grosso. A equipe formada pela Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja), da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa CNPSO), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Instituto de Defesa Agropecuária do Estado (Indea/MT) percorreu Tangará da Serra, Campo Novo do Parecis, Diamantino, Sorriso e Serra da Petrovina. “De todos esses lugares, apenas em Tangará e na Petrovina encontramos a Ferrugem. Mas o nível era baixo e só haviam sido feitas duas aplicações”, relatou pelo pesquisador da Embrapa e PhD em fitopatologia, José Tadashi Yorinori.

Durante esta tarde (15-12), a equipe vistoria as lavouras em Primavera do Leste, município com maior incidência de ferrugem na safra passada (2005/06). “Ano passado já haviam lavouras perdidas nessa época do ano. Agora temos apenas relatos de alguns focos”, comemora Tadashi. O gerente técnico da Aprosoja/MT, Luis Nery Ribas conta que há 15 dias a associação, Mapa e Indea estiveram no município e não encontraram focos da doença. “Creio que agora encontraremos alguma coisa, mas mesmo assim ainda serão poucos os focos”, prevê. A visita deve terminar por volta de 18h.

Tadashi alerta que apesar do sucesso obtido com o vazio, o agricultor não pode descuidar. “O produtor tem que manter o acompanhamento da lavoura. Especialmente agora que o volume de chuvas tende a aumentar”, avisa. Tadashi acredita que de um modo geral as lavouras de soja de Mato Grosso terão boa produtividade este ano nesta safra. As informações são da assessoria de imprensa da Aprosoja.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink