Veja a previsão do tempo para a terça-feira
CI
Imagem: Marcel Oliveira
AGROTEMPO

Veja a previsão do tempo para a terça-feira

Instabilidades são provocadas pelo forte calor
Por: -Aline Merladete

Para esta terça feira (02/02), teremos um padrão bastante característico de verão, com muitas instabilidades, provocadas pelo forte calor e os sistemas em altos níveis da atmosfera, como a Alta da Bolívia e a presença de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) sobre o Nordeste e outro próximo à costa do sudeste.

Na região norte, além do forte calor e umidade na superfície, as instabilidades provocadas nas partes mais altas da atmosfera, mantêm a condição para pancadas de chuvas. Essas instabilidades se concentraram entre o norte de RO, sul do AM e sul do PA. Vale ressaltar que há condições para acumulados significativos na região de Manaus e na capital Palmas.

Na região nordeste, é o VCAN quem domina as instabilidades, principalmente no sul do MA, sul do PI e oeste da BA, sendo estas as regiões onde a borda do sistema influenciará. Porém este mesmo fenômeno, provoca a subsidência do ar no seu centro, ou seja, empurra o ar mais seco da parte de cima para baixo impedindo ou diminuindo a formação das nuvens carregadas, e será este o comportamento observado na parcela entre o CE à AL.

Na região centro oeste, a passagem dos jatos de baixos níveis - os famosos rios voadores - posicionados sobre a região oeste do MT e MS, transportam uma grande quantidade de umidade da região amazônica. Essa umidade, somada ao forte calor, à uma região de baixa pressão no Paraguai e às instabilidades provocadas pela Alta da Bolívia nas partes mais altas da atmosfera, são os ingredientes necessários para a formação de temporais em boa parte do MS e no MT. As pancadas serão de forma isolada, com uma maior concentração no norte do MT e no bolsão sul mato-grossense, ao leste do estado. Já no estado do GO as instabilidades se concentram ao sul, porém nas demais áreas do estado não se descarta a possibilidade de uma chuva isolada e mal distribuída, atribuída ao forte calor. Entretanto no entorno do DF, o tempo ficará mais seco. 

Na região sudeste, a massa de ar seco sobre os estados de MG, RJ e ES perdeu força. E a atuação de um VCAN próximo a costa, vai provocar temporais principalmente no sul de MG e RJ. No estado de SP o forte calor e um cavado - região alongada de baixa pressão - contribui para as pancadas de chuva, com um padrão bastante característico da estação, sendo na forma de temporais isolados, principalmente entre a tarde e noite. 

Na região Sul, a presença de áreas de baixa pressão e o fluxo de ar quente e úmido trazidos pelos jatos de baixos níveis, contribuem para a formação de áreas de instabilidades. Essas instabilidades estarão presentes nos três estados da região. Contudo, devido a presença de cavado e da passagem de uma frente fria pelo litoral do RS, no estado gaúcho e em SC há condições para temporais isolados que podem ser localmente fortes. 

Para os próximos dias a formação de uma nova frente fria no Sul do Brasil entre os dias 03 e 04, aumentará a presença das instabilidades no Sul. Esta frente fria avança para o Sudeste e o Centro-Oeste, onde poderá provocar chuva forte. Nas demais regiões do país, as instabilidades geradas pela interação entre a Alta da Bolívia e o VCAN, favoreceram as condições de chuva de forte intensidade em áreas do norte do Centro-Oeste e de forma mais generalizada, sobre a Região Norte.

Confira como ficam as chuvas para hoje.

Temperatura Máxima


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink