Venda de arroz no RS fica em apenas 1 mil toneladas

Agronegócio

Venda de arroz no RS fica em apenas 1 mil toneladas

Confirmou-se a expectativa do Sindarroz de baixa participação da indústria no leilão de ontem
Por: -Redação
5 acessos

Confirmou-se a expectativa do Sindarroz de baixa participação da indústria no leilão que ofertou, nessa quarta-feira (06-12), 15 mil toneladas de arroz de estoques público e privado. Foram vendidas 1 mil t em poder do governo federal. A cadeia produtiva reúne-se nesta quinta-feira, às 9h30, na sede da Conab, em Porto Alegre (RS), para definir se haverá outro pregão. O setor produtivo defenderá a suspensão da operação por falta de comprador.

"Vamos deixar o mercado fluir ao natural, disse o presidente da Federarroz", Valter Pötter. A indústria sustentará a necessidade de novo pregão. O presidente do Sindarroz, Élio Coradini, explica que, apesar do preço de R$ 26,20 adotado ser alto, é preciso manter um sinalizador. Segundo o superintendente da Conab, Carlos Farias, para que um leilão ocorra ainda em 2006, o edital teria de sair até a sexta-feira.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink