Vendas de adubos no Brasil caem 26,5% no 1º semestre

Agronegócio

Vendas de adubos no Brasil caem 26,5% no 1º semestre

"Apesar de ainda termos o fator limitante do crédito, podemos fechar o ano perto dos 22 milhões de t de adubos entregues, número muito próximo do fechamento de 2008", disse o diretor-executivo da Anda, Eduardo Daher
Por:
458 acessos

As vendas de fertilizantes no Brasil atingiram 8,45 milhões de t no primeiro semestre, queda de 26,5% em relação ao mesmo período do ano passado, informou na terça-feira (14) a Associação Nacional para a Difusão de Adubos (Anda).

No primeiro semestre do ano passado, quando o setor vivia um boom dos preços das commodities agrícolas, as entregas de fertilizantes somaram 11,49 milhões de t, maior volume da história para o período. Mas na primeira metade de 2009, a crise de crédito continuou afetando o setor, como no final de 2008.

"Apesar de ainda termos o fator limitante do crédito, podemos fechar o ano perto dos 22 milhões de t de adubos entregues, número muito próximo do fechamento de 2008", disse o diretor-executivo da Anda, Eduardo Daher, em comunicado.

De acordo com a Anda, cerca de um terço das vendas do setor ocorre no primeiro semestre, e o restante no segundo, quando é plantada a safra de verão.

Em junho, segundo dados divulgado na terça (14), as entregas de fertilizante mostraram alguma recuperação em relação a maio (alta de 32,5%), mas tiveram queda de 23,6% ante junho de 2008.

As importações e a produção nacional de adubo caíram no primeiro semestre, impactadas pela queda nas vendas.

Entre janeiro e junho, a indústria nacional produziu 3,7 milhões de t, baixa de 21,2% ante o mesmo período de 2008.

As importações - o Brasil importa a maior parte de seu consumo - caíram 61% no primeiro semestre, para 3,35 milhões de t.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink