Vendas globais da AGCO crescem 47% até março
CI
Agronegócio

Vendas globais da AGCO crescem 47% até março

Por:

A americana AGCO anunciou ontem (28-04) que suas vendas líquidas mundiais atingiram US$ 1,115 bilhão no primeiro trimestre de 2004, um crescimento de 47% em relação ao mesmo período de 2003. Robert Ratliff, presidente da companhia, informou que os resultados - considerado por ele "acima das expectativas" - deveram-se à inclusão dos negócios da Valtra e à performance das vendas na América do Sul.

Excluindo-se as vendas líquidas da Valtra, de US$ 225,2 milhões, e o impacto com a conversão de moeda das subsidiárias para o dólar, as vendas no trimestre cresceram 4% sobre 2003. A Valtra - unidade de tratores da finlandesa Kone - foi adquirida pela AGCO em setembro de 2003 por ?600,6 milhões.

Outro fator positivo foi a comercialização de tratores na América do Sul, que cresceram 25% no trimestre. As vendas totais da companhia no continente tiveram aumento de 62%, tendo como estímulo o aumento da demanda na Argentina e no Brasil.

A receita líquida da AGCO por ação atingiu US$ 0,27 no primeiro trimestre de 2004, excluindo as despesas com restruturação e compensação de estoques. Incluindo todos esses itens, o ganho por ação chega a US$ 0,33, contra US$ 0,17 no primeiro trimestre do ano passado.

Para o ano, a AGCO projeta um aumento nos ganhos ajustados por ação entre 25% e 30% sobre 2003, quando o ganho foi de US$ 1,25 por ação. Para o segundo trimestre, a empresa espera uma alta de 10% a 20% na receita por ação sobre 2003.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink