Vendas internas de máquinas agrícolas recuam em julho
CI
Agronegócio

Vendas internas de máquinas agrícolas recuam em julho

De acordo com a Anfavea, foram vendidas 5.039 máquinas no último mês ante as 5.086 em junho
Por:

As vendas internas de máquinas agrícolas mostraram um desaquecimento no mês passado. A comercialização recuou 0,9% em julho na comparação com o mês anterior. De acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores Anfavea, foram vendidas 5.039 máquinas no último mês ante as 5.086 em junho. No entanto, no acumulado do ano o crescimento foi de 50,8%, com 30,4 mil unidades vendidas ante às 20,1 mil de 2007.

"O recuo foi muito pequeno. Pode ter sido motivado por alguma entrega fora do tempo em junho para antecipara a safra de verão", analisa Gilberto Zago, vice-presidente da Anfavea.

Ele lembrou que, tradicionalmente, nesse período é divulgado o Plano de Safra, que pode favorecer a antecipação da compra de maquinário para o início do plantio - neste ano, o anúncio foi em julho. No primeiro semestre o mercado consome mais colheitadeiras, que representam 60% dos negócios por causa da colheita da safra de verão. Já no segundo, a tendência é invertida e os tratores respondem por 60% das vendas por causa do preparo do solo para o plantio.

Zago acrescentou que os números deste ano devem ser comparados com o de 2004, considerado "ano de ouro" para o setor. Naquela ocasião, a produção atingiu pouco mais de 69,4 mil unidades. O mercado interno consumiu 37,7 mil máquinas. Para 2008, a indústria espera uma produção de 85 mil unidades, um incremento de 23%. A melhora no desempenho do setor, que viveu grande crise entre 2004 e 2006, é creditada aos bons preços das commodities agrícolas no mercado internacional

Para Luiz Feijó, diretor comercial da New Holland, a menor venda em julho pode ter ocorrido por uma pequena redução na produção por causa de atraso na entrega de alguns componentes. "Pode ser também que houve um pequeno atraso na liberação dos novos recursos para este ano safra. Mas com certeza foi algo pontual que não quer dizer nada", minimiza. Segundo disse, o crescimento deverá se manter estável.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.