Vendas na Agrishow 2011 devem chegar a R$ 1,4 bi

Agronegócio

Vendas na Agrishow 2011 devem chegar a R$ 1,4 bi

Previsão é de negócios 15% acima da feira do ano passado
Por:
2006 acessos
Previsão é de negócios 15% acima da feira do ano passado e é estimada por executivo da Abimaq
A situação favorável da agricultura deve fazer a Agrishow realizar R$ 1,4 bilhão em negócios, 15% acima da feira de 2010.

A projeção de aumento foi feita ontem cedo, durante entrevista coletiva, por Celso Casale, presidente da Câmara Setorial de Máquinas e Implementos da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).
"A alta nas vendas também reflete os 15% de crescimento de expositores da feira deste ano [com mais de 760 marcas]", disse o executivo da Abimaq, que realiza a Agrishow ao lado da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), Associação Nacional para Defesa de Adubos (ANDA), com apoio da Secretaria Estadual da Agricultura e Abastecimento e da prefeitura de Ribeirão Preto.

"A maior"

"A 18ª Agrishow é top, recorde, a maior de todas", disse, na coletiva, Cesário Ramalho da Silva, presidente do Conselho Consultivo da feira.

"É só andar pela feira para que fiquemos animados", observou Luiz Aubert Neto, presidente da Abimaq. "Em alta, os preços das commodities ajudam a deixar o agricultor contente".

José Danghesi, gerente-geral da Agrishow, lembrou que, apesar de ser uma das maiores feiras agrícolas do mundo, o visitante tem que andar pouco para encontrar soluções pontuais.

"Isso acontece porque, neste ano, a feira regionalizou ainda mais os expositores, deixando mais próximos os estandes de marcas de produtos similares".

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink