Vendas na Expodireto chegam a R$ 33 milhões


Agronegócio

Vendas na Expodireto chegam a R$ 33 milhões

Por:
1 acessos

Depois do primeiro dia de preocupação em relação aos transgênicos, a Expodireto Cotrijal 2003 ganhou ontem (18-03) um clima de otimismo, especialmente nos estandes dos fabricantes de máquinas agrícolas. Segundo os organizadores, os negócios nos dois primeiros dias chegam a R$ 33 milhões. Ontem, circularam pelo parque em Não-Me-Toque (RS) 25,1 mil pessoas. Somadas as 15,4 mil do primeiro dia, a mostra já recebeu 40,5 mil visitantes. Como o evento se encerra na sexta-feira, a direção da Cooperativa Tritícola Mista Alto Jacuí (Cotrijal) já prevê que a meta inicial de faturamento de R$ 100 milhões seja ultrapassada.

Até ontem, o Banco do Brasil, havia recebido 420 propostas, no total de R$ 16,2 milhões. Os negócios também são realizados na área de produção animal, onde estão presentes 120 bovinos holandeses e jersey - destes, 68 participarão de julgamento amanhã. A expectativa gira em torno da venda de animais, que começou tímida em 2002 (18 exemplares, num total de R$ 20 mil). Desta vez, os organizadores esperam dobrar o volume.

Quem já tem animais praticamente vendidos é Nelvo Osmar Knopp, de Lagoa dos Três Cantos, que promove um leilão diferente. Ao receber a visita de produtores, aponta o lance e registra o telefone. Na sexta-feira, levará os animais aos que fizerem a principal oferta. Até ontem, o maior lance foi de R$ 1,3 mil por cada uma das 16 novilhas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink