XXXI Congresso Nacional de Milho e Sorgo reúne especialistas em Bento Gonçalves

Agronegócio

XXXI Congresso Nacional de Milho e Sorgo reúne especialistas em Bento Gonçalves

O XXXI Congresso Nacional de Milho e Sorgo começou neste domingo, 25 de setembro com o tema: "Inovações, mercados e segurança alimentar".
Por:
777 acessos

O XXXI Congresso Nacional de Milho e Sorgo começou neste domingo, 25 de setembro, em Bento Gonçalves, com o tema: "Inovações, mercados e segurança alimentar". Durante quatro dias o evento discutirá o cenário da pesquisa e do mercado de milho e de sorgo no Brasil, envolvendo produtores, assistência técnica e pesquisadores. Mais de 400 pessoas compareceram à solenidade de abertura, que foi dirigida pelo presidente da Associação Brasileira de Milho e Sorgo, Décio Karam e pelo presidente do Congresso, Zeferino Chielle.

O chefe-geral da Embrapa Milho e Sorgo, Antônio Álvaro Corsetti Purcino, fez o discurso inicial, representando o presidente da Embrapa, Maurício Lopes. Purcino elogiou a iniciativa da ABMS e de seus parceiros na realização do evento. Ele ressaltou que o Congresso contribui para que se consiga atingir a meta de produção de mais de 100 milhões de toneladas de milho. "Isto é possível. E para isso, temos que ter tecnologias", disse.

Purcino ressaltou que no Congresso serão apresentados mais de 400 trabalhos de pesquisa, que trazem novas tecnologias para os produtores. "Desse total de trabalhos, um terço foi realizado pela Embrapa Milho e Sorgo. Nós vamos discutir as tecnologias para aumentar a produção, a produtividade e para abastecer o mercado, não apenas no Brasil, mas o mercado mundial", afirmou. Antônio Álvaro destacou, também, o lançamento do livro "500 perguntas, 500 respostas sobre o sorgo".

Na ocasião, compareceram o presidente da Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (Fepagro) e presidente do Conselho Nacional das Entidades Estaduais de Pesquisa Agropecuária (Consepa), Adoralvo Antônio Schio, que representou o secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação do Rio Grande do Sul; o presidente do Banco Regional do Extremo Sul, Odacir Klein, que representou o governador do Estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori; e o diretor técnico e presidente interino da Emater-RS, Lino Moura, que representou o secretário de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcísio Minetto.

Odacir Klein, ao comentar a programação do Congresso, enfatizou que é preciso haver o avanço crescente da oferta de alimentos no mundo, sem comprometer as gerações futuras. "Temos a responsabilidade de produzir alimentos com sustentabilidade", disse Klein. Já o presidente do Instituto Agronômico do Paraná e do Consepa, Florindo Dalberto, ressaltou que "o maior compromisso dos pesquisadores é compartilhar o conhecimento".

O XXXI Congresso Nacional de Milho e Sorgo é promovido pela ABMS, com realização da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (Fepagro), Emater/RS – Associação Rio-Grandense de Empreendimentos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ascar) e Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

- Clique aqui para ver a programação do Congresso;

- E aqui para conferir o horário da programação dos pôsteres.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink