Rússia restringe importação de carne e genética de Alagoas

SUÍNOS

Rússia restringe importação de carne e genética de Alagoas

Todos os lotes recebidos de Alagoas de 1º de outubro a 27 de dezembro de 2019 serão devolvidos
Por:
616 acessos

O Serviço Russo de Controle Veterinário e Fitossanitário impôs restrições temporárias à importação de suínos, material genético, carne e produtos afins do estado brasileiro de Alagoas, após a detecção da peste suína clássica nessa região, conforme publicado no portal Eurocarne.

As restrições também se aplicarão a produtos e subprodutos de origem suína que não foram tratados para eliminar o vírus , troféus de caça e todos os tipos de ração para suínos, com exceção dos aditivos alimentares de síntese e forragem química e microbiológica submetido a tratamentos térmicos. Também é proibida a importação de máquinas e equipamentos para a indústria da carne.

Todos os lotes recebidos de Alagoas de 1º de outubro a 27 de dezembro de 2019 serão devolvidos ou submetidos a testes de laboratório para detectar a presença do vírus.

Por outro lado, o Vietnã dobrou suas importações de carne nos primeiros 11 meses de 2019, totalizando 110.000 toneladas , de acordo com dados do Ministério das Finanças do país, dada a redução no censo suíno devido a surtos de peste suína africana. .

Estima-se que 6 milhões de porcos tenham sido abatidos em todo o país, 20% do total existente em seu território, o que fez com que o preço dos porcos vivos triplicasse , aumentando o custo da carne e motivando o crescimento de inflação Espera-se um crescimento ainda maior no primeiro trimestre de 2020, por ocasião das festas do Ano Novo Lunar.

A intenção do país é continuar importando carne de porco, pois, segundo o vice-primeiro-ministro Vuong Dinh Hue, "não podemos permitir que ocorra uma escassez de carne de porco e precisamos importar para compensar o déficit" . A peste suína africana continua a aumentar fortemente na Ásia. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink