Operação interdita fábrica de sal mineral

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
Imagem: Divulgação
CLANDESTINA

Operação interdita fábrica de sal mineral

Unidade não tem registro no Mapa, conforme determina a legislação
Por: -Eliza Maliszewski

Uma operação conjunta do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), e Polícia Militar, com apoio do Exército Brasileiro, interditou uma fábrica clandestina de suplementos para a alimentação de animais, no município do Crato (CE).

Segundo os agentes a fábrica que produzia sal mineral não tem registro no Mapa, conforme determina a legislação e a produção ilegal desse suplemento pode colocar em risco não só a saúde dos animais, mas também o consumidor final da carne, leite e ovos. 

No local, foram apreendidos produtos, matérias-primas e embalagens. Além disso, o estabelecimento foi autuado pela produção irregular.  “A fabricação e comercialização de produtos clandestinos, além de prejudicial para a saúde dos animais e dos consumidores também representa concorrência desleal para os estabelecimentos devidamente registrados”, destaca a diretora do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, Ana Lúcia Viana.

A ação ocorreu na quarta-feira (5) e só foi possível após denúncia anônimas na ouvidoria do Mapa. Os produtos apreendidos giram em torno de R$ 100 mil e o estabelecimento foi autuado por produção irregular.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink